InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Começar de Novo || Capítulo 13

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
valdir sales pitombeira

avatar

Idade : 49
Cidade : ARACAJU

MensagemAssunto: Começar de Novo || Capítulo 13   27.02.13 10:58

CAPITULO 13.


___Pois eu mostro a você que eu posso e eu vou...o Otto não será assassinado...e ninguém vai me impedir ___Breno sai correndo, entra no carro e sai em alta velocidade.
___Infelizmente você meu caro não aprendeu. Mais chegou a hora de aprender e não vai ser nada fácil. O que está escrito, escrito está. Agora chegou a sua vez.
ENQUANTO ISSO:
Fachada da mansão de Otto...ele estava em seu quarto o mordomo o avisa da chegada de Breno.
___O Breno esta lá embaixo?
___Ele disse que precisa falar com o senhor
( Dora sai penteando o cabelo )
___Mais ele já saiu da cadeia?
___O Breno é um executivo conceituado minha querida, é natural que o juiz daria a ele o habeas corpus, para que ele responsa ao processo em liberdade, Alfred...pode dizer a ele eu o recebo
___Sim senhor ( Sai )
___Você vai atender a ele, depois de tudo? De tudo que ele fez com a sua filha? Com a Eleildes.?
___Minha querida! O Breno pode ter muitos defeitos e eu sei bem no que estou falando, mas sequestrador...eu posso apostar que ele não fez isso?
___Eu não estou acreditando ( Se senta na cama estupefata )___ esse homem apronta...trai a sua filha.
___Nossa filha ( Otto a interrompe) __Não esqueça disso.
___Tudo bem, ele traiu a nossa filha e você simplesmente vai perdoa-lo? Vai recebe-lo na sua casa?
___Eu só estou dizendo que eu vou recebe-lo? Só isso amor...só isso...( Otto beija a testa de Dora e sai, ela fica desconfiada)
___Esse Breno é fogo. .ele sempre consegui o que, quer?
Na sala, Breno estava em pé diante do enorme quadro pintado de Otto no meio da sala ele não percebe que o mesmo descia as escadas, Otto para no ultimo degrau e fica observando, Breno percebe que ele o observava, ele engole a seco e vira-se
___Otto! Eu vim aqui.. primeiro agradecer a você eu sei que você conseguiu o meu habeas corpus.
___Não precisa agradecer...é só isso? Pode ir embora ( Otto ia se afastando ,mais Breno atravessa a sua frente)
___Não! Não é só isso Otto...Por favor me ouça. .sim.
___Tudo que tínhamos pra conversar, já foi dito meu caro...por tanto não tenho mais nada a ouvir. .por favor saia da minha casa.
___Eu não acredito, que depois de tanto sacrifício, de tanta dedicação ( Otto o interrompe )
___Dedicação essa!! ( Otto interrompe Breno e fala)... muito bem remunerada, diga –se de passagem...eu fiz você um homem rico Breno. Muito rico, por tanto, estamos quites.
___Otto!! ( Breno engoli a seco ) _eu sei disso, eu devo tudo a você, e não estou sendo injusto, ao contrário, o que eu quero dizer é que eu fiz o meu melhor, eu dediquei os melhores anos da minha vida e você sabe do meu caráter ,sabe sim que eu sou ambicioso e se fosse preciso passar por cima de qualquer um se fosse para defender os seus interesses...sim...ai eu errei...mais daí a ser um criminoso.. e mandar sequestrar a Eleildes...isso nunca.
___E as fotos que ela tirou de você e da Brunelly? Isso é uma boa razão para sequestra-la.... ou não?
___Eu não sabia das fotos, até aquele dia que você me mostrou...acredite em mim.
___Pois bem... que prove a sua inocência, mais isso é com a justiça, não comigo...o que eu não quero é não posso aceitar a traição com a minha filha...
___Otto eu e a Brunelly não temos nada haver foi apenas um...um caso...sem importância...Otto somos homens e a Brunelly é linda....gostosa...eu me envolvi
___Não seja cafajeste Breno!! por favor!!...eu sei que você não amava a minha filha, mais ao menos eu achava que você tivesse um pouco de dignidade. .eu não posso deixar a minha filha nas mãos de um homem, que a traia com a sua melhor amiga?
___Brunelly não é nunca foi amiga de Viviane, eu sei disso e posso provar...por que além de mim...ela esta mantendo um caso com o Lealdo ( Otto não acredita )
___O lealdo? Era só o que faltava o Lealdo ama a minha filha,ele jamais trairia ela com a Brunelly...Breno estou te desconhecendo, esta apelando!
___Eu juro( tenta convencer ) eu sei... eu sei que tudo que eu vier a dizer pode e vai soar falso...mais acredite em mim Otto...eles estão juntos...e pior...( Breno hesita em falar, fecha os punhos e se vira contra Otto ) __ Otto eu acabei de ouvir eles dois conversando...o Lealdo...o Lealdo estava planejando mata-lo ( Otto sorrir sem acreditar )
___O Lealdo tentando de matar? Breno por favor! Eu acho que essa sua passagem pela cadeia o fez ver coisas, coisas absurdas...por favor ponha-se daqui pra fora.
___Otto...Otto acredite no que digo. .eles estão tentando te matar
____CHEGA!!! ( Otto perde a cabeça ) __ chega eu não quero ouvir mais nada...por favor se retire da minha casa agora ( Otto vai a porta e abre ) _ por favor.. saia agora mesma.( Breno tenta falar, mais percebe que não ia adiantar, ele abaixa a cabeça e para na porta, ele levanta o rosto)
___Eu vou provar o que eu estou dizendo Otto...pode apostar nisso ( Breno abaixa a cabeça e sai, Otto fecha a porta e volta a subir as escadas indo para o seu quarto, onde conversa com a sua esposa.
___Ele disse isso? ( fica boquiaberta ) Mais o que esse Breno acha que o meu filho é? Um assassino? Era só o que faltava.
___Eu não dei ouvidos minha querida ( Otto Beija Dora na testa ) _ Eu vou tomar um banho, depois eu desço pro jantar( Otto sai para o banho, Dora fica indignada)
___O Lealdo...planejando matar o Otto...era só o que faltava. ( Dora não acredita e volta a se pentear )
Enquanto isso:
Desolado Breno sai da mansão,sabia que a única pessoa que teria que acreditar nele era o Otto. Mais agora sozinho ele precisa todo custo mostrar que não tem nada haver com aquele sequestro, ele entra no carro e num ato de fúria ele esmurra o volante do carro, após logo depois sai em alta velocidade, durante o percurso, Breno relembra de tudo que aconteceu na empresa,estava triste abatido..sabia que era inocente mais ninguém acreditava nele,nem mesmo o homem que ele mais admirava, num bar qualquer ele se servia de uma dose de uísque, pensativo em sua mente centenas de seus feitos...a entrega da sala da vice presidência,o carro que ele tinha ganho...as inúmeras homenagens que ele havia recibo, tudo estava como um filme na cabeça daquele homem atormentado, seus olhos estavam rasos d’água, parece que o mundo estava caindo e pela primeira vez Breno não sabia o que fazer nem como agir,estava perdido, sem rumo, sem destino e sem solução,apenas sabia que precisava provar, não para a justiça,mais para aquele homem aquém ele deu tudo de se..Otto Maldonato era como um pai para ele e seu olhar de reprovação era tudo que Breno não aguentaria ver. O silencio era interrompido pela voz segura de Morfeu ao seu lado
___Decepcionado! ( Breno olha para Morfeu e volta a beber sem notar a presença dele ) eu imagino o que você está sentido.
___Você não faz ideia do que eu estou sentindo, aliás ninguém faz, foram 15 anos da minha vida,dedicação, entrega,fiz da Secondlife a minha vida,deixei de viver por ela abdiquei de tudo,dos meus planos pessoas...da minha própria vida, pra que,pra quando eu precisasse eu tivesse apoio e olha só o que eu ganhei?
___Infeliz do homem que confia em outro.
___Todos podiam me acusar...todos!!..menos o Otto, menos ele que sabe da minha dedicação os anos que eu passe trabalhando para ele chegar a onde ele chegou.( Breno se emociona)
___Você só esqueceu de algo __ Breno para e vira-se tentando entender ___ você esqueceu que durante esses anos,você não enxergou nada a sua frente a não ser a sua própria ambição
___Se você veio aqui pra me censurar,pode ir embora eu não preciso de mais um a mim condenar
___Eu não estou te condenando, porque você mesmo foi o juiz da sua sentença. Você procurou o que esta recebendo hoje
___É errado por acaso querer se dar bem de ter sucesso..esse seu Deus é contra os vencedores, é contra a mim?
___Deus não ama o pecado, mais sim o pecador..., ele sabe do que você esta passando e acredite ele esta do seu lado
___Do meu lado ___ Rir ironicamente ___Imagine se não tivesse, todos estão virando as costas para mim, todos, inclusive ele.
___Não diga isso, não sabes o que dizes
___Ah não __Revoltado, esmurra a mesa..depois respira fundo __E por que ele deixou que as coisas chegassem a onde chegaram? Por não evitou tudo isso..hein me digas?
___Será que foi ele quem fez tudo isso...de fato acredita que Deus foi responsável por todas as desventuras que você esta passando hoje? Ou será que não esta sendo cego o suficiente para ver o que esta escrito em sua frente? ___Breno não entende e Morfeu continua _) Sera que você parou pra pensar em quantas pessoas você deixou de ajudar ou simplesmente não se deu conta da gravidade dos seus atos, será que aquelas pessoas que pagaram anos e anos o seu plano de saúde e quando precisaram você simplesmente os ignorou,pensando apenas nos lucros que o seu plano poderia dar em vez de gastos?__Breno continua ouvindo calado ) _ Quantas pessoas pegaram suas únicas economias e deram ao plano que você ajudou a construir e foram enganados?
___Era o meu trabalho.eu tinha que fazer o que fiz?
___Será? Será que quando você criou aquela clausula que impedia o tratamento de pessoas com doenças terminais você esta fazendo só o seu trabalho? Ou estava querendo render mais e mais lucros para a sua empresa, para impressionar o senhor Otto,com quem tem tanta admiração? Será que prejudicando as pessoas que realmente precisava e dando mais e mais lucros ao Ottop..esse era seu Trabalho?
___Se fossemos cuidar dos doentes em fases terminais não teríamos mais suporte para continuar o negocio
___E matando aquelas pessoas em vez de trata-los era mais importante do que os lucros que obtiveram?
___Eu não faço as leis,elas simplesmente existem e eu tinha que cumprir o que estava escrito,era o meu trabalho.
___Mas você foi um dos co-autores dessa clausula,Você quando pensou nisso, pensou apenas em dar mais lucros a empresa, mas as pessoas que realmente importa..isso você não pensou....você não pensou num pai que tem uma filha com câncer e não pode ajudar a sua filha a se curar
___Câncer não tem cura?
___E por isso vai negar tratamento? Vai deixar esse mesmo pai desesperado, tentando achar uma saída para aliviar a dor da filha e dele mesmo,que vendo a filha morrer se sente tão incapacitado de agir,como se tivesse com as mãos atadas...vocÊ não pensou nisso, claro que não! Você estava muito mais preocupado no carro novo que iria comprar, na decoração de seu novo apartamento em frente ao central Parque, as férias maravilhosas que iria ter,as mulheres que iria conquistar.
___Mais o que é isso!___ Se enfureci ___Falando assim você me ver como um monstro!!....eu não posso não posso ser responsável pelas mazelas alheias, eu não criei as doenças,eu não criei essas situações.
___Mas você podia ter amenizado esse sofrimento para muitas pessoas.
___Eu não posso ser responsabilizado por tudo este.
___Mas compactuou sim em muitos desses casos Breno, você esta tão determinado a conseguir alcançar os seus objetivos que você não pensou em nada e nem em ninguém.
___Eu tinha que fazer isso.
___A troco de centenas de pessoas que precisam da sua ajuda e você simplesmente as ignorou por uma ambição desenfreada que o fez ser cego diante de tanta injustiça;
___Você esta sendo radical morfeu.
___Então veja com seus próprios olhos, vamos ali
___Ali a onde? ( Mal terminava de falar e eles já estavam em outro local, uma espécie de enfermaria...pessoas sofrendo, outras morrendo ali mesmo, centenas de pessoas,jogadas no chão,enfermeiros correndo de um lado a outro tentando ajudar os pacientes.
___Veja isso __ Morfeu mostro os enfermos Breno se toca que algo esta errado.
___Mas esses são os....
___Seus clientes...clientes que acreditaram na Secondlife e veja onde eles chegaram? (Breno ver crianças misturas com pessoas mais velhas, mães desesperadas chorando passavam por ele com a criança no colo,ele observava que os médicos não podiam fazer nada e rejeitava a crianças,para desespero da mãe.em outra cama uma jovem moça estava recebendo a estremulção de um padre,ao lado a mãe chora,Breno assiste aquilo atônico.
___Todos eles tinham planos.?
___Todos ( confirma Morfeu )__ todos e veja o que o seu plano fez a ele..todos eles procuram a sua ajuda e você simplesmente os ignorou como fazia sempre, valeu a pena Breno,tanto sucesso as custas disso __ Morfeu aponta para todos os feridos e doentes.
Breno tenta se controlar mais a sua mente estava no passado,quando ele lembra de Luan pedindo a sua ajuda
FLASH BACK
Voltando a sala de Breno, cena do primeiro Capitulo, Luan desesperado pedindo ajuda.
___Senhor Breno, eu tinha uma vida...eu passei 20 anos pagando esse plano e nunca usei..quando eu estou precisando o senhor diz que não pode me ajudar..por favor..eu preciso desse tratamento...eu tenho uma família, esposa filhos
___Eu não sou responsável por isso,. Quando o senhor assinou o contrato sabia que estava assinando, não me venha cobrar isso agora.
___O senhor não tem piedade...não acredita em Deus?
___Eu não sou Deus, Por tanto se alguém aqui é responsável pela sua doença não sou eu...va se queixar a Deus,quanto a minha empresa, infelizmente não há nada quer eu possa fazer.
___SENHOR BRENO__ Ele se ajoelha na sala __ Por tudo que é mais sagrado...conceda a mim esse tratamento..eu tenho filhos pra criar
___E quem garante que o senhor ficara curado? Não podemo0s custear um tratamento meu caro, que não temos a certeza da sua eficácia ,por tanto o senhor me dê licença que eu tenho mais o que fazer __ O homem levanta-se baixa a cabeça e sai,Breno resmunga
___Mais era só o que faltava...Eu sou Deus agora...imagine se a empresa fosse fazer todos os tratamentos que são pedidos..seria a falência ___Breno fica irritado.

VOLTANDO AO PRESENTE
BRENO se mostrava cada vez mais triste com a situação....ele não consegui segurar a emoção e seus olhos enchem de lágrimas..ele sai rapidamente do hospital, estava tão desesperado que não aguenta e vomita tudo que viu, Morfeu próximo dele observava tudo de longe..;;Breno passa a mãos nos cabelos e se ajoelha no meio do pátio estava visivelmente abalado com o que acaba de ver,nunca ele tinha percebido a grávida da clausula que ele mesmo havia criado, pessoas estão morrendo sem a menor ajuda,tudo por culpa dele...seu peito estava apertado...ele se encolhe no meio do pátio e deixa cair o choro contido..que vai se transforma num pranto ainda maior...Morfeu se aproxima colocando as mãos em seu ombro
___Ainda há tempo de mudar isso
___Eu não sabia!! Eu não tinha ideia que era assim..meu |Deus o que eu fiz? Eu sou um monstro...um monstro!!!
___Não!! __Morfeu se ajoelha ao lado dele __ Você apenas fechou os olhos para uma realidade que estava além da suas visões. A sua ambição em querer ver a empresa crescer,ter lucros..esse foi seu maior Mal, mais as coisas ainda podem ter outros caminhos...eu sei que você é um homem bom...
___Eu estava completamente cego! Só via na minha frente as estatísticas...números, eu tinha uma meta..meu Deus! Como eu pude ter feito isso...como? como? ___Breno num assalto de descontrole ele agarra Morfeu e chora desesperadamente no meio do pátio do hospital.
ENQUANTO ISSO:
Brunelly recebia a noticia que Breno tinha saído da delegacia
___Saiu hoje a tarde?__Ouve ___sei...sei...obrigado __Desliga, vem Lealdo secando o cabelo com a toalha
___Quem era amor?
___Eleildes...o Breno conseguiu o Habeas corpus..ele esta solto.
___Calma, ele não podee3 fazer nada contra a gente,ao contrario, mesmo Souto ele vai responder ao processo de sequestro de Eleildes e com as provas que tem sobre ele,duvido muito que ele se safe dessa vez?
___Não sei não!! __Brunelly parece incrédula __O Breno não é um homem de dar ponto sem nó...eu sei o que fazer ___Brunelly pega a bolsa __Eu vou ao apartamento dele
___Você ficou louca?
___Claro que não! Eu vou, lá me mostra solidaria a ele, afinal de contas nas fotos eu também estou, eu vou fazer o papel da boa moça que também sofreu com a revelação dessas fotos e se o Breno tiver algum plano.eu descubro e passo pra você
___Boa menina __Lealdo puxa Brunelly pelo braço a força ao seu e lhe dar um beijo explosivo
___Deixe eu ir ___ Ela o beija novamente __Antes que eu me arrependa...te manterei informado ___Brunelly sai, Lealdo vai ao bar e pega um copo e coloca uísque.
___O Breno não é mais nada..agora quem manda....sou eu !!! ___Ele começa a rir ironicamente.
Apartamento de Breno estava tudo escuro apenas a luz do abajur ao lado do sofá...pensativo Breno tomava uma dose de seu usique enquanto pensava em tudo que fez e o que viu naquele hospital,as imagens não saia de sua mente enquanto ele ouve uma musica ao fundo.
___O que eu fiz meu Deus!! O que eu fiz?
Adam seu mordomo estava parado em pé apenas observando,Breno percebe que ele esta ali, ele se levanta, o mordomo fica nervoso achando que ia receber uma bronca
___Me desculpe senhor, eu só estava aqui,para no caso do senhor precisa, mais eu vou pra cozinha ( ia saindo_
___Adam....espere ( Adam para e vira-se rapidamente)
___Pois não senhor!( Adam para de costas e vira-se)
___Você me acha uma pessoa ruim? __ Adam fica constrangido ) __pode falar..não tenha medo.tu me achas um monstRO? PODE FALAR SIM
___Claro que não senhor! Por que acharia isso do senhor?
___Por que eu estou me achando...é isso mesmo meu
velho amigo...sabe o que eu descobri? __Adam fica ouvindo )__Que durante a minha vida toda.eu cometi muitos erros, erros esse que eu não tinha a mínima ideia que pudessem prejudicar as pessoas,mas eu prejudiquei...e muito! Eu fui egoísta...ambicioso,fui prepotente até..mais nunca percebi que o mal que eu estava fazendo as pessoas, ele voltaria pra mim,como voltou..hoje estou...revendo tudo que eu fiz...e sinceramente não me agradou em nada o que eu vi e o que eu fui responsável.e sinceramente eu não sei...não sei meu amigo,como resolver ___Breno coloca o copo de uísque ___Outro por favor
___Sim senhor __Vai ao bar,Breno continua falando __Eu devia estar preso, uma pessoa como eu não pode ficar a solta por ai fazendo mal as outras pessoas.
___Senhor Breno o que aconteceu,pra que ficaste assim.o senhor é um homem, bom...competente. vencedor
___Vencedor? Eu...eu vencedor? Vencedor de que! De nada! Vencedor das mazelas alheias?...vencedor das tragédias que eu..eu cometi, quando criei aquela clausula...isso sim!eu estava criando um monstro dentro de mim e não sabia, tudo sabe por que:porque eu queria ser o melhor...o melhor de todos..o invencível aquele que chegaria ao lugar mais alto do pódio ,tudo pra que? Hein...pra que:? Pra mim sentir melhor? Pra mim sentir o máximo! O importante o senhor Breno Shermanh o todo poderoso.o homem invejado..foi pra isso que eu criei tudo aquilo e hoje..hoje eu percebo Adam ( Breno coloca as mãos nos ombros de Adam que estranha tão aproximação0) Meu amigo...pra que? Pra ter esta casa..este apartamento...o m eu carro..essas roupas,esse relógio...pra ter tudo isso aqui? ___ Breno anda pelo apartamento)__Sim eu consegui eu sou um homem importante ( Breno sobe no centro da sala e ergue o copo de uísque __Um brinde..um brinde a mim...o vencedor...o imbatível Breno Sherman! Eu venci Adam...venci...mais as custa de que? Hein me responda...não precisa! Eu mesmo te respondo.... as custas de muitos sofrimentos,muitas dores...dores essas que eu causei,que eu fiz acontecer, em 15 anos eu estava cego..só enxergava aquilo que era bom pra mim, pro outros que se dane! Era eu...eu..eu..somente eu!! ( Ele desce do centro e se olha num enorme espelho na sala )__ Esta vendo esse homem aqui Adam...esta vendo.
___Sim senhor. Estou vendo
___É um monstro!!!um imbecil...cretino...esse homem aqui é tudo isso, e te digo mais....esse homem aqui...não merece estar vivo!! Não merece ___ Breno volta a abraça Adam __Esse homem...merece estar morto..morto;
___Não fique assim senhor Breno...
___Você não me conheces!! Ninguém me conheces...nem eu me conheço mais..quem eu sou? Hein quem é Breno Sherman!___Breno puxa Adam pela grava e o força a ver a sua imagem no espelho ___Veja..me diga...quem é esta pessoa!
____O senhor...seu Breno o senhor já bebeu demais,precisa descansar um pouco.
___Esse homem que você esta vendo...é um blefe!!! Isso mesmo um blefe...um completo blefe..um monstro de egoísmo..de prepotência..de soberba...de tudo que há de pior num ser humano...essa pessoa aqui ADAM sou eu...eu... ( Breno para respira fundo...depois senta-se cabisbaixo e senta-se no sofá passando as mãos em seus cabelos )__Esse homem..sou eu Adam.
___Senhor Breno..o senhor esta confuso com as ultimas coisas que aconteceram..coisas que eu sei que o senhor não tem culpa e vai provar a sua inocência sim,por que eu acredito no senhor ___Breno para e comaça a ouvir o que ele diz)
___Você verdadeiramente acredita em mim?
___Sim, por que não! Eu trabalho pro senhor há 10 anos,conheço o seu caráter, conheço as suas ambições sim...sei que em seu trabalho não há melhor..e que para conseguir seus objetivos teve que passar por cima de muitas pessoas, que até prejudicou algumas sim...mais senhor Breno...não se faz omelete sem quebrar os ovos...se o senhor prejudicou algumas pessoas. Não foi por prazer de prejudica-las,não claro que não! Era o seu trabalho..se o senhor não o fizesse...outro faria. Com sua licença senhor Breno ___Adam senta-se ao lado dele no sofá __O senhor é um homem bom...no fundo...e se hoje o senhor esta passando por tudo isso..acredite..é uma provação..Deus de alguma maneira esta testando o senhor...fazendo o senhor rever seus erros e tentando fazer com que o senhor acerte,que reveja todos os erros que cometeu e possa conserta-los...senhor Breno...não te julgues o pior homem do mundo,pois o senhor não é...ex sim um vencedor, que para conseguir tudo que tens hoje passou por cima de algumas pessoas...mais ainda há tempo de consertar tudo isso,e eu sei que o senhor fará isso...eu acredito no senhor..e acredito em Deus também;
___Você conhece Morfeu?
___Não!! Não senhor quem é esse Morfeu?
___Nada!! Nada ___Breno coloca o copo nas mãos de Adam e sai da sala deixando ele interessado em saber quem é morfeu
___Morfeu!! Quem é esse Morfeu?
A porta do quarto de Breno se abre e ele entra,estava decidido a mudar tudo aquilo, ele vai direto ao seu laptop e começa a ver algumas coisas.
___Eu tenho que fazer alguma coisa, para mudar isso!( Breno pega o telefone e liga )__Alô é do aeroporto, eu gostaria de falar com o piloto da Secondlife...é Breno Sherman...tá eu espero....( Breno fica pensativo _alô...oi aqui é Breno Sherman eu quero me encontrar com você;... isso...agora.
No aeroporto, Breno conversa com ele a respeito de Paulo.
___O senhor quer, que eu vá a Austrália?
___Exatamente...você vai buscar o senhor Paulo, eu quero ele aqui o mais rápido possível...ele e a mãe dele __Breno fala com convicção. ___Aqui esta o endereço dele...
Voltando apartamento de Breno, ele abre a porta e ao entrar, a sala estava vazia ele ascende a luz e dar de cara com Brunelly
___Meu amor..que bom que saiu da cadeia ___Brunelly abraça Breno, mais ele não retribui ficando com os braços sem abraçar ela, ela estranha __ MAIS O QUE FOI? Ah já sei, ficou chateada porque eu não fui te visitar... meu amor eu não gosto daquele local...mais eu estava muito preocupada, acredite .nossa como eu estava...eu até rezei...
___O lealdo te ajudou a rezar também? ___ Brunele para, ela olha com um espanto para Breno que continuava a falar)
___Mais do que você esta falando? Eu e o Lealdo, da onde você tirou isso meu amor? __Ela tenta beija-lo mais ele a empurra no sofá.___ Breno meu amor...o que deu em você?
___Eu descobri tudo Brunelly...eu vi vocês dois juntos no apartamento dele hoje a tarde. E sabe o que mais eu ouvir...que o Lealdo esta planejando matar o Otto e colocar a culpa em mim. Era assim que vocês rezavam por mim? Planejando esse me incriminar?...vamos Brunelly qual é o plano de Lealdo? ( Brunelly não sabe o que dizer, diante de tal afirmação, os olhos de Breno estava mostrando que ele estava falando serio.
Na mansão, Viviane chegava.. subia as escadas e entrava em seu quarto, jogando a bolsa em cima da cama e vai ao banheiro e se olha no espelho e indaga.
___Você teve o que merece Brunelly...e pode apostar que foi pouco___ Ela começa a rir ironicamente, já na mesa de jantar.
___Filha você fez isso?__ Indaga Otto
___Fiz sim e não me arrependo de nada a Brunelly teve o que merece...aliás foi até pouco,pelo que ela me fez a vontade que eu tinha é de mata-la...ah mais ela me aguarde, eu vou transformar a vida dela num inferno, se ela acha que vai continuar a frequentar as festas nessa cidade,ela esta enganada meu pai...nenhuma familia de Nova Iorque vai querer receber ela, e pode apostar...eu moverei céus e terras,agora a Brunelly nunca mais vai ser a mesma....pode apostar.eu ainda sou Viviane Maldonatto papai...e todos nessa cidade não teriam coragem de me enfrentar,chamando ela pras festas. Ele vai viver na mesmisse,que afinal é o lugar que ela jamais deveria ter saido.
Dora se antecida;
___Filha, vingança não leva a nada.
___E quem disse que é vingança? É apenas o preço que ela vai pagar por ter me traído, eu abri as portas da sociedade novaiorquina...ela frequentava as melhores festas comigo..e o que eu ganhei...hein....traição...eu não vou deixar isso barato..ah mais não vou mesmo.
___O Breno esteve aqui___ indagava Otto e Viviane fica incrédula
___Aqui!! Mais fazendo o que papai?...o que aquele marginal veio fazer aqui?...depois de tudo que ele me aprontou.
___Ele conseguiu um habeas corpus. .saiu hoje cedo.
___Mas como? Um marginal desses consegui um habeas corpus...ele deveria apodrecer na cadeia isso sim!
___Filha o Otto é um homem importante, é natural que o juiz conceda .ele tem endereço fixo...uma carreira brilhante.
___Papai!! ___Fica enfurecida ___ como o senhor ainda o defende, depois de tudo que ele fez a mim...a sua filha?
___Eu não quis dizer nada a ele, mais sinceramente eu não acredito que ele sequestrou a Eleildes.
___Mais eu acredito sim!! Ah papai. .como o senhor é bobo...o Breno não presta....ainda bem que isso aconteceu antes do casamento, imagine só eu casada com um marginal, seria a morte. .minha é claro! Mais eu já resolvi isso..eu vou me casar com o Lealdo tudo vai ser como eu sempre quis...o casamento dos sonhos.
___Eu ainda acho que esse casamento é uma loucura filha.Você não pode fazer isso, e os seus convidados o que dirá a eles.
___Nada..será uma surpresa...eu só fico imaginando a cara deles..e os jornalistas então....vai ser o casamento do ano e eu não vou perder essa oportunidade. Ah mais não vou mesmo.
___Otto...Otto você não pode permitir essa loucura.
___Loucura seria eu me casar com o Breno, um marginal Com o Lealdo não será tudo diferente.. essa casamento vai ser o maior alarde que essa cidade já viu.... ___Viviane fica feliz e começa a falar sem parar, enquanto Dora e Otto se olham.
No apartamento do Lealdo
___Como ele descobriu ?__ indagava lealdo.
___Ele esteve aqui. .ouviu a nossa conversa ..e pior Lealdo, ele sabe do seu plano em matar o Otto e por a culpa nele,e agora o que você vai fazer? O Breno é um homem perigoso, você vai ter que tomar muito cuidado com ele.
___Engano seu minha cara! Quem tem que tomar cuidado comigo é ele ___ Lealdo vai a um armário e tira uma arma __Eu faço a minha história...e se ele se cruzar no meu caminho eu eu acabo com ele ___ Brunelly fica chocada ao ver a arma.
___Você não esta pensando em matar o Breno... está?
___Não...não se ele se manter no seu lugar, porque se ele ousar ultrapassar o meu caminho...ai sim!... ___Lealdo fala ríspido,mais Brunelly parecia ainda chocada com a arma.Minutos depois Lealdo conversava com um de seus aliados.
___Você entendeu tudo diretinho? Isso é esse o endereço dele...dessa vez... não erre sim!( Ouve)__ isso,é exatamente o que eu quero..ok( ouve )-Ok..ok...isso mesmo,tudo vai parecer um acidente de carro..exatamente...eu ficarei no aguardo...) Lealdo desliga o celular )__ Vamos ver Breno,quem esta em perigo__ Ele sorrir ironicamente.
VOLTANDO A CASA DE OTTO.
___Filha...casamento é uma coisa séria...você não pode fazer as coisas a seu bel prazer e os proclamas...o padre..tudo isso tem que ser visto.
___Mais o que esta acontecendo aqui? Estão todos contra mim? O que queriam? Que eu cancelasse esse casamento pelo Breno...nunca....NUNCA...Eunão vou passar essa vergonha, e quanto ao padre..nada que uma boa quantia não fala ele esquecer esses detalhes.
___Filha ouça a sua mãe, ela está certa.
___Agora ela se preocupa comigo...mais quando escondeu de mim o filho dela, ela não agiu como mãe.
___Viviane, por favor ___Otto tenta acalmar os animos
___Eu tinha que fazer isso...entenda.
___Entender...entender o que! Que eu fui enganada a esse tempo todo? Sem falar que agora eu terei que dividir o meu patrimonio com ele...isso é injusto...( para o pai )__Pai o senhor não pode reconhecer o Lealdo como seu filho, isso seria injusto comigo,eu sou sua filha, sua unica filha.
___Viviane...ouça
___Eu não quero ouvir nada ___Viviane se levanta da mesa___ Nada...eu não vou admitir isso...dê a presidencia a ele, isso já é de bom tamando...agora o que é meu...é meu.
___Eu dei a minha palavra a ele.
___Pois desfaça...eu não aceito..e se o senhor inistir nessa história...eu não sei do que serei capaz...entendeu
___Se acalme filha...o seu futuro esta garantido;
___Eu não quero saber de futuro..eu quero o presente..e nesse presente eu não quero e não vou dividir o que é meu...meu por direito...eu vou me casar sim com ele sim, mais ele continuara sendo um bastardo. Ouviram bem um bastardo.
___Ele é meu filho Viviane, não se esqueça disso.
___Pois então dê a a ele a sua parte na herança...agora a minha herança...é minha...é minha ___Viviane sai furiosa da sala de jantar.
__E agora o que eu faço?
__Você não vai voltar atrás....ou vai Otto?
Otto fica parado, pensativo.
NO QUARTO DE VIVIANE:
Ela entra furiosa..começa a jogar tudo no chão.
___Ele não vai ter o que é meu..não vai...se ele pensa que se casando comigo ele tera a minha herança, ele estará enganado...___Ela abre os armários..pega uma caixa, leva a cama e abre,pega a arma e coloca do lado do travesseiro e se deita ao lado.
___Ah Lealdo...Eu acho que a nossa lua de mel...será muito especial...pra mim, pena que você meu querido....não vai voltar dela...Vivo ___Viviane começa a rir deitada na cama.
NO OUTRO DIA
Fachada da mansão...os portões se abrem e Viviane passa rapidamente em seu carro conversível.logo em seguida ela estaciona em um shopping Center.
NAS EMPRESAS
Otto e Eleildes conversam em sua sala
__o S senhor vai mesmo reconhecer o Lealdo,como seu filho?
__Eu prometi isso a Dora, não sou homem de voltar atrás.
__E Viviane, como ela fica?
__O futuro dela esta assegurado, ela não terá com que se preocupar...afinal de contas...eu sou um homem muito rico Eleildes...você sabe disso...
___Pelo que eu conheço a Viviane ela não vai aceitar dividir o patrimonio dela assim.
___Eu sei..mais eu vou falar com ela...ela terá que entender.
___Será que ela vai mesmo?___Fica uma incognita no ar
NO SHOPPING CENTER
Viviane estava tomando um suco, quando alguém se aproxima e fica em sua frente.
___Pelo visto a sua pontualidade britanica funcionou finalmente....sente-se...deseja alguma coisa.
___Você me chamou aqui,por que?
___Calma,eu tenho um servicinho pra você.algo que você sabe fazer como ninguém ___Viviane sorrir ironicamente na frente do homem.
VOLTANDO A EMPRESA:
Na sala de Lealdo, Eleildes contava a ele sobre os planos de Otto.
___Ele já mandou reunir os advogados para fazer o seu reconhecimento.
___Eu sabia que cedo ou mais tarde ele iria fazer isso.
___Você conseguiu finalmente o que,queria? A presidencia do grupo.
___Ainda não __Lealdo se afasta indo a janela___Isso é muito pouco pelos anos que eu dediquei a essa empresa e nunca fui reconhecido...se ele acha mesmo que com esse reconhecimento ele limpara os anos em que ele me excluiu de tudo, esta enganado Eleildes...eu quero muito mais.muito mais e eu vou ter isso,
___Mais com esse reconhecimento..você se tornará herdeiro do grupó Maldonatto...o que,podes querer mais.
___E esperar o velho bater as botas? Não Eleildes! Eu não posso esperar por isso.
___O que você esta pensando em fazer?
___Receber o que eu tenho direito Eleildes...tudo..tudo.___ Eleildes fica e pensativa no que Lealdo acaba de falar, o que ele estaria tramando, matar o Otto,essas perguntas mexiam com ela, em sua sala...ela andava de um lado a outro pensativa, a porta se abre e entra Géssica.
___Mandou me chamar Eleildes.
___Sim...entre e fecha a porta.
___Algum problema?
___Todos...você sabe que o Otto irá reconhecer o Lealdo como filho dele?
___Não se fala em outra coisa nessa empresa.
___E que ele vai se casar com a Viviane.
___Isso também é outro comentário..eu custei a acreditar que ele tivesse coragem de fazer isso...eu nunca vi dizer que se troca-se o noivo por outro assim...isso chega a ser imoral.
___A moralidade não é um dom de Viviane, ao contrario,esse casamento para ela é mais um capricho. Mas eu não a chamei aqui pra isso. Com essas mudanças nas empresas, muita coisa vai mudar __Ela levanta-se...da uma volta na sala __E eu não sei o que acontecerá comigo.
___Como assim...você é uma cotista da empresa. Que mal algum poderia te acontecer.
___Muita coisa..com o casamento de Lealdo com Viviane ele se torna o presidente, e com o reconhecimento dele como filho de Otto..ela se torna herdeiro do grupo..isso quer dizer,que em breve o Lealdo será o homem mais forte do grupo,muito mais forte do que o Breno, nunca foi.
___E qual seu medo?
___De poderes a um homem e conhecerás o seu caráter,pois então...conhecendo o Lealdo como eu conheço...ele se tornará muito perigoso...pra todos nós...todos nós Géssica e eu preciso me preparar pra isso e vou...agir imediatamente.
___E o que pretende fazer?
Eleildes volta a sua mesa.
___Eu tenho que impedir esse casamento Géssica a qualquer custo...e você vai me ajudar?
___Eu?...mas como!!!
___Eu sei como! ___Fecha em close nos olhos de Eleildes que já planejava o golpe para impedir o casamento.
NO APARTAMENTO DE BRENO:
Ele estava tomando seu café, há um vazio no apartamento...ele olhava tudo...o mordomo em pé ao seu lado..ele olha ao lado e ver o jornal, ao abrir ver estampada a noticia “ Vice Presidente do Grupo Maldonatto é destituido do cargo depois de escandalos envolve sequestro de uma de suas acionista. Breno se revolta joga o jornal do chão.
___Malditos...se eles pensam que eu me dei por vencido estão enganados Adam...eu vou dar a volta por cima,pode apostar nisso.
___Eu confio no senhor...sei de sua habilidade..isso é apenas uma má fase...em breve o senhor voltará a ser não o vice presidente do grupo...mais sim o presidente.
___Pode apostar nisso. Eu não cheguei até aqui pra morrer na praia.eu tenho que fazer alguma coisa.
___Senhor me desculpe em me envolver,mais eu acho que eu tenho uma ideia que pode dar certo.
___E que ideia é essa fale homem.
___Só tem uma pessoa que pode reverter esse quadro contra o senhor....a senhora Eleildes.
___Ela sempre me odiou...deve estar muito feliz com a minha saída da empresa. Eu não posso contar com ela Adam.
___Acho que pode
Breno se interessa.
___Como assim...seja claro e objetivo.
___Senhor...ela foi sequestrada, passou maus bocados naquele local...e acha que foi o senhor...certo? mais o senhor sabe e eu sei que o senhor jamais faria isso...se o senhor conseguir provar quem realmente a sequestrou...o senhor estará ajudando ao senhor mesmo e esclarecendo a Eleildes os fatos,se ficar provado que não foi o senhor o mandante do sequestro. Ela não pode continuará acusando...ao contrário,o senhor então se tornará uma aliado dela..contra quem fez o sequestro...se o senhor afirma que jamais teve conhecimento das fotos,como pode então premeditar esse sequestro...prova a ela isso...prove a ela que o senhor não tinha conhecimento das fotos...é o primeiro passo senhor,. Para que ela analise os fatos e veja realmente que ambos foram vitimas de alguém...e me permiti dizer senhor,alguém dentro da propria empresa, gente que queria destruir o senhor e usou a Eleildes como cobaia.se chegarem ao nome...eu tenho certeza que essa Eleildes...vai ficar do seu lado senhor ___Breno pára tinha certeza que Adam estava certo,antes de provar na justiça ele teria que provar a ela que não conhecia o conteúdo das fotos.
NO PREDIO DE BRENO:
Lealdo chegava acompanhado de um homem, eles param diante do prédio...fica observando.
__È aqui senhor.
__Exatamente...esta aqui a placa e o modelo do carro ___entrega uma foto __Faça o que tem que ser feito.
__Pode deixar.
__Um momento...não tolero erros...ouviu bem? Desça agora e vá __O homem desce do carro...fica Lealdo.
___Eu não cheguei até aqui Breno a toa. Infelizmente você não vai ter o prazer de me ver como vencedor.você sabe demais...ou seja sabia demais...agora...esta na hora de descansar...descanse em paz...___Lealdo liga o carro e sai em alta velocidade...o tal homem aproveita um morador entrar no predio,ele aproveita o portão aberto e entra...dentro do estacionamento, ele procura o carro com a foto..ao encontra-lo ele entra embaixo do carro com um alicate e corta os cabos do freio...depois sai rapidamente, deixando uma marca de oléo no chão, apressado Breno chega ao estacionamento e pega o carro. Detalhe fica as marcas de oléo no chão da garagem.
VOLTANDO AO SHOPPING, VIVIANE TERMINAVA A CONVERSA
___Você entendeu?
___Pode deixar Viviane, eu sou um profissional.
___Eu sei disso,se não..não teria contratado.
___E o que você quer, que eu faça com ela?
___Brunelly precisa de uma lição...não precisa matar,mais eu quero ela bastante machucada...por que toda a vez que ela olhar as feridas, vai lembrar de nunca...nunca.. trair Viviane Maldonatto.

ENQUANTO ISSO EM ALGUM LUGAR:
Breno estava em seu carro, seus olhos estão fixos determinado a provar a sua inocência, e principalmente salvar a vida de Otto, que para ele era como um pai, ele estaciona o carro e desce imediatamente entrando num prédio, Eleildes estava cozinhando, quando ouve a campainha, ela enxuga as mãos e passa pela sala e abre a porta e toma um susto
___Breno !!! ( ela tenta fechar a porta, mais Breno consegui entrar) __ Mais que invasão é essa eu chamo a policia Breno...fora daqui...saia daqui.
___Não antes de você me ouvir ( Breno pressiona Eleildes que fica sem ação
___O que você quer? Fale logo estou com a comida no fogo.
___Porque você me denunciou na onda do sequestro?
___Não me faça rir Breno, eu sei que foi você.
___E porque?
___Porque eu descobri o seu Ca Zinho com a Brunelly
___E você me procurou com as fotos? ( Eleildes para, percebe que ele estava certo ) __ você chegou a mim dizer que tinha descoberto o que você chama de caso?
___Não ( Ela se afasta, mais se sente segura ) Eu não tive tempo...você mandou aqueles capangas me pegarem
___E como eu iria fazer isso se eu mesmo não sabia das fotos. Como eu iria mandar sequestrar uma pessoa se eu não sabia das fotos, como Eleildes...como?
___Eu não sei...voce pode ter descoberto?
___Eleildes! ( Ele pega no braço dela e a força a sentar no sofá ) __por favor eu sei que nós, não somos amigos e nunca fomos, eu sei que temos muita coisa um contra o outro,mais daí...a pensar que eu poderia mandar sequestrar você?
___Eu não sei!! ( Eleildes levanta-se )__Eu sei bem quem você é...e sei que você é capaz de tudo, quando alguém ultrapassa o seu caminho, quem não garante que você não descobriu e mandou me sequestrou?
___Eu até entendo! Sei que não sou bem visto...mais acredite Eleildes...eu jamais faria isso com você
___Mentira!! ( Eleildes se irrita ) _ você não presta !!. .não vale nada! Agora se você pensa que vem aqui com essa conversa e vai me fazer esquecer de tudo que eu passei naquele local...esqueça! você vai me pagar muito caro! Breno Sherman, ( Eleildes corre a abra a porta ) Nos veremos nos tribunais senhor...agora passe bem...fora daqui?
___Eleildes, me ouça...]
___Eu não tenho mais nada a ouvir! Fora...fora daqui.. eu não sei como eu estava com a cabeça que deixei você entrar aqui... você vai ter o que merece Breno! Eu nunca! Pensei que ia dizer... vá se ferrar Breno...va pro diabo...SAIA!!!SAIA
(Breno abaixa a cabeça e antes de sair, ele vira-se)
___Você ainda vai se arrepender disso Eleildes ( Breno sai ,Eleildes fecha a porta bruscamente)
___Era só o que faltava...vá se danar Breno.


Fim do 13º Capitulo

PROXIMO CAPÍTULO
Eleildes expulsa Breno de Casa e não aceita as explicações dele,uma carreta desgovernada perde o controle e se choca com o carro de Breno,que sofre um grave acidente,há um flashback na história, Breno acorda 15 anos antes, e se ver as voltas com um mundo novo, agora ele está casado,com filho,vivendo na cidade que ele abandonou...Morfeu explica a Breno que ele voltou a 15 anos para recuperar seus valores e que por mais absurdo que possa parecer ele terá que enfrentar mais esse obstáculo em sua vida e ele tentará de tudo para ter a sua vida de volta.



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Começar de Novo || Capítulo 13
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Webs Encerradas :: Finalizadas :: Começar de Novo-
Ir para: