InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!

Ir em baixo 
AutorMensagem
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 34
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   14.09.14 15:56


Salamandra


26° Capítulo
1° parte:
Delícias do Café, manhã, Interna, Fundo Musical de: “Alberto Rosenblit/ Revelação do Mal”. Zoom In em Três Vezes em Câmera Lenta sobre Carmela que fica atônita.
Angelina- Há muitos que nos três não ficava- mos assim tão próximos, não é Romano? Esta cena merece uma indicação ao Oscar... Será que cabe mais alguém assim invalida para compactuar com esta severgonhice?

Romano- O que? Agora deu para me seguir também Angelina? Agora não posso nem respirar que você aparece assim feito um encosto?

Angelina- Não seja hipócrita Romano não combina mais com você, veio atrás da sana desta vadia da Carmela... (Carmela se levanta ofendida).

Carmela- Minha querida a cidade é pequena se você não sabe e outra o Romano chegou depois de muito tempo em que eu já estava aqui é melhor eu me retirar sabe não quero problemas.

Angelina- Mas é claro que você não quer problemas não é, pois você já me causou o problema desde o dia em que você foi pra cama com meu marido...

Romano- Angelina chega com esta história não vai levar a nada, eu cheguei depois e você logo chegou, será que não percebe o quanto você esta afogando nosso casamento?

Angelina- Você destruiu o nosso casamento desde o dia que tocou nesta erva daninha e vocês tem pena de mim é isso tudo porque dependo agora, não posso andar, eu te odeio Carmela! (Choro depressivo, Angelina eleva a voz tomando a atenção de todos que a olham).

Romano- Angelina fala baixo está todos olhando, será que você não percebe o abismo que você esta entrando?

Carmela- Desculpa mas preciso ir não vou ficar ouvindo isso eu não preciso me sentir culpada...

Angelina- Culpada! Isso! Culpada é o mínimo que é por sua culpa sua maldita perdi meu homem, perdi minhas pernas naquele acidente, por sua culpa não vou mais poder andar... (Carmela se retira calada e Angelina grita no salão). ...Sua covarde volta aqui sua maldita, você acabou com a minha vida destruiu! Você merece a pior morte que um ser humano possa ter eu te odeio sua cadela maldita!

Romano- Satisfeita? Lavou a alma? Agora fique ai sentada e tome seu café da manhã, mas sozinha! Sozinha!

Angelina- Vai seu idiota atrás daquela piranha, homem tem destas mesmas, quanto mais à mulher não presta, mais ele gosta, porque ele é igual a ela... (Choro desequilibrado borra a maquiagem de Angelina e todos a olha). ... O que foi seus idiotas, nunca vira uma mulher na cadeira de rodas? Não precisam ficar me olhando com esta cara de pena se eu quiser eu pago tudo aqui com meu dinheiro, seus mortos de fome, seus pobres medíocres! (Corta Para).

Delícias do Café, manhã, Externa, Plano Médio, Fundo Musical de: “Beatriz/ Milton Nascimento”, Carmela abre a porta de seu carro aos prantos Romano a alcança Câmera Detalhe nas mãos de Romano que segura as de Carmela.

Carmela- Romano você pirou? Acabamos de ser esculachados por Angelina e você ainda te a audácia de vir aqui, como você acha que eu me sinto com esta situação? Diga-me criatura? Eu sou humilhada seja aqui seja na Mansão e como vocês acham que eu me sinto? Eu estava dirigindo o carro naquela noite de chuva e por minha culpa ela esta invalida como acha que eu me sinto Romano?

Romano- Ela não sabe o que diz Carmela esta possessa de ódio e rancor e ninguém sabe explicar quando um homem ama uma mulher mesmo que vai contra os princípios dele entre tantas só existe uma mulher que completa.

Carmela- Não sabe o que diz... Se for capaz então porque não se separa dela heim Romano? A vida interira mantive esperanças de ter você ao meu lado, mas não como um amante e sim como um homem, um homem que não sei o que é para uma mulher, até quando vou alimentar isso amando as paredes solitárias de uma Mansão de família?

Romano- Haverá maneiras simples no final, só preciso de um tempo para poder resolver esta situação.

Carmela- Eu não tenho condições de conversar agora Romano estou eu preciso ficar sozinha...

Romano- Vamos conversar Carmela, por favor, não vá assim neste estado... (Carmela entra em seu carro e chora, Romano bate no vidro, Carmela da à partida). ...Carmela abre o vidro! Carmela! 

(Carmela quase atropela Romano e sai em disparate este então parado esta, as mãos sobre o bolso da calça, Angelina se aproxima sorri freneticamente).

Angelina- Que cena de filme americano, a margarida já se foi? Bem pela sua cara sim não é. Você e o Gerald se merecem, são dois golpistas maldito, eu te odeio sabia? Eu sou a única nesta historia que alem de ser vitima sou a mais honesta.

Romano- Sabe acho que você só fica bem se estiver sozinha só assim quem esta a sua volta vivera em paz e é isso que você precisa fazer me deixar em paz, você é meu pior castigo.

Angelina- Sempre! Sempre! Sempre serei a sua sombra onde quer que esteja a sua traição me matou por dentro e hoje eu sou uma sombra morta, você me destruiu, seu maldito! (Romano se descontrola, Câmera se Mexendo, cores fria predomina a cena muita tensão ele segura nos dois braços de Angelina).

Romano- Para! Para! Sua desequilibrada! Para com isso! (Angelina sorri descontroladamente).

Angelina- Seu covarde! Bate vai! Aqui na minha cara, igual aquele dia que você me violentou, eu estou louca para te ver atrás das grades porque todos foram comprados para manter este segredo e aquela imbecil da Roberta esta lá agora onde você e o Gerald deveriam estar como dois ratos.

Romano- Olha no que você se transformou nesta mulher monstruosa, até sua alma tem pena de você, sabe? Fico me perguntando será não ter sido você a mentora da morte daquela vadia da Lucia? Porque você e ela em termos de chantagem emocional estão mais do que empatadas, estão idênticas. (Angelina cospe no rosto de Romano este seca o rosto e se vai a silencio).

Angelina- Isso por que não falei dos dólares! Por amor eu te privo do pior seu maldito! Maldito! Corta Para:

2° parte:
Externa, Plano Geral, Interna, Penitenciária Sant’ Ana, Pavilhão 3. Manhã, Fundo Musical de: “Cartel Central/ Como Vai Mano”.
Sapatona termina de tragar seu cigarro e joga a bituca ao chão pisa em cima esmagando se contorce fica olhando a sua volta desconfiada chama Lena para acompanha-la, Roberta se aproxima de Rosinha, Cores Frias predomina a cena, Câmera se Mexendo, trocando Fundo Musical para: “James Newton Howard/ Reflection Of Elijah”.

Roberta- Rosinha não acha estranho este silencio as detentas estão muito calmas, sempre neste horário tem uma briga ou uma discussão?

Rosinha- Então precisa se acostumar é sempre assim mesmo tem semanas que nada acontece por aqui tudo fica tedioso, mas tem semanas que aqui parece um inferno e ela põe mais fogo na lenha.

Roberta- Olha lá a Sapatona chamando Lena com certeza vão naquele mesmo lugar acho que vou lá ver o que elas estão planejando.

Rosinha- Roberta! Acho muito arriscado a sua barriga esta enorme e se uma delas descobre que você esta de bituca? E se fazem mal a você e a sua menina?

Roberta- Impossível! Eu preciso descobrir mais coisas se arriscado não sei só sei de uma coisa amiga estou cansada de ser maltrata por esta mulher.

Rosinha- Hoje é dia de Chumbo você não tem parentes por aqui? E Domingo é dia de visita.

Roberta- Não ter ninguém Rosinha eu trabalho na biblioteca onde a diretora me arrumou serviço em troca de meus mantimentos e roupa, não tenho ninguém só meu filho Lucas... Meu Deus como será que esta meu filho que vontade de abraçar ele de rir com ele de viver os melhores momentos ao lado de quem realmente amamos.

Rosinha- E os outros? Seus parentes? Seu marido... (Câmera Foca em Zoom In o rosto de Roberta, trocando Fundo Musical para: “The Contract With Devil/(Instrumental)”, esta muda de afeição, serena séria).

Roberta- Os outros morreram a partir do dia em que eu fui julgada, eu nunca vou os perdoar, quando sair desta cadeia vou me vingar um por um e todos vão ter o que merece em seus destinos, Cesar me feriu acreditando ser eu a mentora do crime, Angelina, Gerald, Romano, Carmela e principalmente Annetta todos me ridicularizaram apresentaram provas que  nunca tive participação e hoje estou aqui sofrendo. Eu quero ver todos destruídos ao pó, só quero o amor dos meus filhos e bastam apenas meus filhos! (Rosinha suspira).

Rosinha- Sabe que às vezes você me assusta? Já vi de tudo nesta vida já vi pessoas morrendo do meu lado com um cano na cabeça, mas nada me intimidava como você me intimida sabe? (Roberta sorri).

Roberta- Bom... Não posso perder tempo deixe- me ir. (Roberta levanta-se e Rosinha segura na mão esquerda de Roberta, esta parece preocupada).

Rosinha- Não vai Roberta estou com mau pressentimento é arriscado Deus é uma grande loucura não vê o risco que corre? (Corta Para);

CTA, Externo, Manhã, Plano Geral, Câmera Aérea passa para Plano Médio, Interno, Departamento Pessoal. Fundo Musical de: “Alberto Rosenblit/ Horror”.
Gerald através de sua sala, Zoom In focando em Três Vezes em Câmera Lenta, Externo/ Interno observa Juca com uma planilha na mão.

Gerald- Deve estar recebendo mercadorias, e não esta no recrutamento do novo projeto do Cesar... (Hesita senta sobre sua cadeira olha fixamente para o telefone parte o lápis ao meio pego o telefone faz uma misteriosa ligação).

Gerald- Tudo o que você precisa é agir, não precisa exagerar apenas um susto e mais nada, afinal o que é um susto não? (Surge um malicioso sorriso, Câmera Detalhe no sorriso de Gerald, este abre a porta de seu escritório e vê Mônica lendo alguns papeis distraída esta não percebe a presença de Gerald que imediatamente fecha a porta de seu escritório lentamente). Corta Para:

CTA, Externo, Manhã, Plano Médio, Câmera Tremendo passa para, Interno, Área de Distribuição. Fundo Musical de: “Espionagem e Sabotagem/ Alberto Rosenblit”.
Juca Levanta a ultima folha conta algumas caixas e anota em sua prancheta.

Juca- Foram vinte mil caixas é um volume fechado precisa descarregar do outro lado... Então mas no mês passado dentre um dos malotes que veio faltou uma caixa e que houve o atraso de uma empresa que havia solicitado o produto Cesar autorizou esta falha e pagou este produto aéreo estofados equipamentos hidráulicos a fim de poupar o cliente, então fecha com 21 caixas que esta aqui... Correto?

Entregador- Correto! Vou precisar do canhoto carimbado a nota e os boletos estão nesta pasta... (Juca assina os canhotos e carimba entregador saindo, Juca esqueceu o outro carimbo em seu carro e vai ao estacionamento).

Estacionamento, Interno, Câmera Travelling, Fundo Musical de: Bernard Herrmann/ Murder Scary Song, Cores Frias, predominam a cena, Juca desce a escada do estacionamento:
Caminha reto sem olhar para traz, Câmera seguindo o pobre Juca, Um silencio invade o estacionamento, Juca olha para traz, Câmera se esconde atrás de um dos pilares do estacionamento, Juca se aproxima de seu carro Câmera Detalhe nas mãos de Juca abrindo a porta então é abordado por quatro pessoas de sexo indefinido, oras usam roupas longas, capuz e luvas negras, Juca tenta se defender, mas é recebido por um soco no estomago, este tenta se levantar para lutar.

Juca- Socorro! (Grita)... Soltem-me seus animais! (Juca consegue dar uma rasteira em um dos encapuzados que cai no chão, mas é abordado pelo outro que o matem refém em seus braços, no entanto é recebido por vários golpes na barriga e no rosto sem piedade são três golpes no rosto logo o sangue toma a região de sua boca, e então o quarto com um taco de beisebol ataca sobre a perna esquerda de Juca que grita com muita dor e Juca chora).

Juca- Por favor, não me matem o que vocês querem? Socorro! (É recebido por uma coronhada na cabeça este então desfalece deixando cair sua prancheta, rapidamente os malfeitores o pegam e Jogam Juca que se encontra desmaiado no porta malas de um negro Opala que sai em disparate um dos guarda abrem a porta como se nada estivesse acontecido ele faz um sinal que a passagem esta limpo e se vão).

3° parte:
Câmera Aérea, Externa, Manhã, Serra do Rio do Rastro, Câmera Travelling, de frente para o Opala que corre em disparate, Fundo Musical de: Bernard Herrmann/ Murder Scary Song, Cores Frias.
Carro Opala para em frente a uma casa abandonada, as portas se abrem saindo às quatro pessoas encapuzadas, abrem o porta malas, Juca é pego com dificuldade no outro lado da casa é vigiado por mais duas pessoas, e então o inevitável, no alto de um barranco Juca é arremessado e rola por entre as arvores de uma vasta floresta e depois de muito rolar por entre a mata fechada Zoom In em Juca ali caído, carro Opala sai em disparate Foco da Câmera sobre a casa abandonada e do outro Zoom In em Juca brutalmente agredido ou morto?
Corta Para: Externa, Plano Geral, Interna, Penitenciária Sant’ Ana, Pavilhão 3. Manhã, Fundo Musical de: “James Newton Howard/Blindsided”.



Rosinha- Roberta não vai é perigoso! (Roberta segue Lena e Sapatona estas olham para traz, Roberta se esconde respiração tensa, Câmera Tremendo, chegam ao esconderijo).

Sapatona- Você conseguiu o que eu precisava Lena?

Lena- Sim! Aqui esta... Foi muito fácil que deixassem entrar com isto e Sapatona vai ter que pagar muito caro para o revistador.

Sapatona- Vou pagar eu sei muito bem como vou pagar esse canalha! Nossa vida olha este galão de álcool, você entendeu Lena? Neste dia vai estar tudo calmo a ala que tem menos movimento é a onde vamos atacar para distrair os guarda enquanto a sala de livros pega fogo ai começa a rebelião...

Lena- Não vêjo a hora de sair daqui quero acertar as contas com Marcelo maldito! (Sapatona abre um lenço).

Sapatona- Olha o que trouxe Lena, minha colega do peito com ela já estourei muita cabeça por ai... (Sapatona engatilha a sua arma apontando na testa de Lena). ...Já ouviu falar em roleta russa?

Lena- Sapatona... Acho muito arriscado esta roleta russa sempre acaba em morte.

Sapatona- Hi to te estranhando Lena cadê aquela valentona heim? Heim? É só apertar e pá! (Lena fecha os olhos e as duas sorriem). ...Ficou com medo sua medrosa. (Risos, e do outro lado Roberta espionando Câmera se Mexendo, por detrás de Roberta surge uma mão que apoia em seu ombro, Câmera Detalhe nas mãos apoiando no ombro de Roberta e para a surpresa desta).

 Josefa- Oras! Oras! Uma espiã aqui dentro? (Foco em Zoom In em Roberta atônita e logo Foco em Josefa que violentamente puxa seu cabelo)... Responde sua vadia!

(Encerramento com a música de: “James Newton Howard/Blindsided”).





Última edição por Wilson Bernardo em 22.09.14 22:04, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
TainaRo

avatar

Idade : 23
Cidade : Tocantins

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   16.09.14 19:03

O meu suspeito e o Gerald.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 34
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   17.09.14 21:34

TainaRo escreveu:
O meu suspeito e o Gerald.
É até porque ele tem indicios fortes de ser o verdadeiro assassino mas mediante a isso muitas surpresas e reviravoltas estão por vir tainaRo fazendo você mudar de ideia quanto o Gerald, obrigado por acompanhar e pelo carinho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
João Santos
Prata
avatar

Idade : 22
Cidade : Taguaí

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   20.09.14 15:23

Nossa bay bay Juca!!! TainaRo também acredito que foi o Gerald
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 34
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   21.09.14 17:55

João Caetano Santooss escreveu:
Nossa bay bay Juca!!! TainaRo  também acredito que foi o Gerald
E vocês acham que Juca estando ajudando Mônica pode ter morrido ou foi apenas um susto para que Mônica desista de suas investigações perigosas escusas sendo um alerta propositado por Gerald e sendo cúmplice Romano?

E Roberta o que será que vai acontecer na Penitenciaria?
Não percam as emoções de Salamandra.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Salamandra/ 26° Capítulo- Juca é gravemente agredido e Roberta sua vida corre perigo!
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Web Novelas :: Salamandra-
Ir para: