InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Salamandra/ 33° Capítulo- A Liberdade de Alana, Roberta sofre por perder Agatha... Fortes Emoções!!!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 34
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Salamandra/ 33° Capítulo- A Liberdade de Alana, Roberta sofre por perder Agatha... Fortes Emoções!!!   23.10.14 0:41


Salamandra

33° Capítulo
1° parte:
Mansão Pellegrini, Externo, Noite, Plano Geral, Câmera Aérea passa para Plano Médio, Fundo Musical de: “Nox Arcana/ The Howling” em (00h20min seg).

Cesar comemora o nascimento de Aghata e abraça Carmela.

Carmela- Parabéns meu sobrinho, estou muito feliz por você. (Carmela abraça Cesar).

Cesar- Obrigado tia! Estou muito emocionado... (Fundo Musical de: “Ravenoussaveours Oulissa/Damon Albarn feat. Michael Nyman”, Annetta desce a escada Zoom in em Super Close, nesta vestida com roupas negras logo empurra Carmela para o lado e abraça Cesar).

Annetta- Cesar o ideal neste momento é pegar sua bambina, não é cabível ela sob a presença de uma assassina ou é?... (Annetta anda por de traz de Cesar como uma serpente, Carmela balança a cabeça discordando da situação).

Annetta- O que foi Carmela? Não percebe o quanto esta mulherzinha é perigosa para todas que a cerca? Então melhores esta cara!

Carmela- Bom... Só me resta pedir para que Manolo nos sirva uma bebida... (Annetta se aproxima de Carmela e lhe tira a taça em que bebe esta).

Annetta- Percebe que quando começa a beber fica ridícula?! (Câmera se Mexendo, Carmela atônita ao que a irmã diz carrascamente) ...Sabe que você me faz lembrar ao seu marido...
Carmela- Ex-marido Annetta!

Annetta- Pois bem... Eu e o Brasil inteiro sabemos que é bem assim, cuidado Carmela esta ficando uma alcoólatra de tirar o chapéu! 

Hospital São Miguel, Externa, Noite, Interna, quatro semanas depois, Fundo Musical de: “Nox Arcana/ Veni, Veni Emannuel”. Roberta esta amamentando quando entra o Doutor Noronha.

Doutor Noronha- Tenho duas noticias Roberta, a primeira é que você esta de alta... E a segunda é que você voltara para sua sela.

Roberta- Mas eu vou poder levar minha filha comigo? Eu estou a amamentando doutor e sei que Cesar vai ter a guarda de minha filha, queria ter este últimos momentos ao lado de minha linda Agatha.

Doutor Noronha- Receio que será impossível Roberta, eu até aumentei mais uns dias para você curtir sua filha lembrando que é antiético o que fiz, mas não há possibilidades de estipular o que pede a lei! (Roberta fica seria e seus olhos enchem de lagrimas).

Roberta- Eu perdi tanta coisa, eu perdi o homem que eu amo, e o principal meus filhos, até quando eu continuar perdendo? Estou cansada! (Roberta desaba a chorar).

Doutor Noronha- Desculpa Roberta tenho que cumprir com as normas do hospital, com licença! (Doutor Noronha saindo e fechando a porta, Roberta brinca com sua filha e pega em suas mãozinhas, Padre Ottero entra em seu quarto).

Padre Ottero- Roberta! Santo Deus! (Padre Ottero abraça Roberta em Câmera Lenta, Roberta volta a chorar). 

Roberta- Padre!... Estou sozinha!... Estou me sentindo só e a vida não tem sido fácil eu perdi tudo perdi a alma numa penitenciaria fria já não tenho forças, eu estou desesperada me ajude Padre! Acredite em mim eu não matei aquela mulher!

Padre Ottero- Não Roberta! Você não esta sozinha, lembre se que quando Jesus estava no deserto, Satanás o pós a prova por quarenta noites e quarenta dias, seu suor virara sangue, a mulher o seduzia, o deserto o alimentava, mas Jesus orava fielmente sem se deixar seduzir pelas artimanhas do mal, não te desesperes, Deus esta contigo em todas as horas, na hora do perigo, ele lança seu cajado, nas trevas ele de da uma luz.

Roberta- Padre eu perdi meus filhos! Eu tinha uma historia linda de vida, eu tinha minha liberdade sabe o que é isso? Ter liberdade andar junto com as pessoas, fazer compras, ver o amanhecer do dia, acordar e estar ao lado de sua família a que eu sempre sonhei! Eu fui enganada, ridicularizada, será que eu sou um erro na vida das pessoas?!

Padre Ottero- Não se julgue Roberta, Deus não quer que nenhuma pessoa viva os piores dias, mas a vida esta dividida entre o bem e o mal e ele predomina a escuridão sobre a terra! Vamos! Reaja você precisa ter fé! A sua fé remove montanhas e quando fechar os olhos e abrir vai ver que o tempo passou e nas noites de trevas o diabo engana, mas Deus da se o dia de sol para aquecer os corações feridos. Eu sei que... Ei olha para este velho padre... (Roberta olha para o Padre aos prantos)... Não abaixe a cabeça assim à guerra não acabou! Não se de por vencida, esta tudo difícil, mas acredite que amanhã será um lindo dia. Eu vim avisar que estou investigando, estou colhendo provas que comprometem muitos que estavam no navio naquela noite, eu vou tirar você daí antes mesmo que imagine. (Roberta sorri desconfortado, Fundo Musical de:Nox Arcana/ Gothic Sanctum”).

Roberta- Quem sabe Padre! Quem sabe? (Padre Ottero abraça Roberta e este beija a testa de Agatha fazendo sinal da cruz, Doutor Noronha escuta a conversa atrás da porta entre a aberta Câmera se Mexendo, Super Close no rosto de Doutor Noronha suspeito).

Doutor Noronha- Padre Ottero investigando? Isso não pode acontecer, não pode estar acontecendo!
 
2° parte:
Mansão Pellegrini, Externa, Manhã Fundo Musical de: “Hieroglyphics/ James Newton Howard”, Plano Geral.
Romano estaciona em frente à mansão logo fecha a porta de seu carro, entra na mansão:

Manolo- Bom dia seu Romano, por favor, entre!

Romano- Com licença... Cesar já esta acordado? (Annetta desce a escada sorridente e antes que Manolo disse se algo esta o interrompe).

Annetta- Sim Romano ele esta terminando de se trocar, eu não vejo a hora de chegar logo naquele maldito hospital e pegar esta menina e ver a cara de sofrimento desta jaca podre da Roberta!

Carmela- Coitada Annetta, ela é mãe deve ser difícil perder uma filho desta forma...

Annetta- Carmela, por favor, não me diga mais uma só palavra, o que queria ir presa junta com ela? Diga-me que mando arrumar suas malas e mando você Junto com ela na mesma sela, uma pessoa como ela que não tem sentimentos você acha mesmo que ela esta se importando com a filha recém-nascida? Desculpe-me, mas é pra rir desta sua pena hipócrita! (Cesar desce a escada).

Cesar- Estou pronto! (Gerald abre a porta, entra abraçado com Emanuelle, este acende seu charuto e olha para Romano meio suspeito).

Gerald- Cesar parabéns nasceu sua filha e já sabe o nome que dará a ela?

Emanuelle- (Sorri debochando)... Aposto que vai se chamar Robertinha? (Todos sorriem, Annetta se aproxima de Emanuelle e a puxa pelo braço).

Annetta- Não percebe o quanto você é ridícula Emanuelle? Como se atreve a vir na minha casa e falar mal  de minha família?

Cesar- Gerald olha o que sua esposa esta falando? (Gerald fica constrangido e tenta contornar os fatos).

Gerald- Desculpa Cesar não foi bem isso que minha esposa quis dizer... 

Emanuelle- Desculpa Cesar fui leviana não acontecera mais. Corta Para:

(Quarto de Agatha, porta se abrindo, Angelina entra no quarto, Super Close no rosto de Angelina, ao Fundo Musical de; “Nox Arcana/ Zombie Influx 1   Ground Zero” Câmera se Mexendo, com muita raiva esta seca suas lágrimas, maquiagem borrada).

Angelina- Maldita!... Teve tudo o que sempre quis o homem que toda mulher sonhara, um príncipe... E teve também dois filhos um homem e uma mulher, que ódio! Como eu te odeio também Roberta! (Angelina sentada em sua cadeira de rodas aproxima se de um urso sobre um tapete de crochê ela o pega e o espreme com muito ódio)... Apodreça no inferno sua maldita! Eu odeio esta maldita família! Odeio! (Câmera se Mexendo, Cores Frias predomina cena, Super Close nos olhos de Angelina que chora com ódio enquanto rasga o urso).
Corta Para:

Hospital São Miguel, Externa, Manhã, Interna, quatro semanas depois, Fundo Musical de: “Nox Arcana/ Veni, Veni Emannuel”...

Três carros estacionam em frente ao Hospital, Cesar é o primeiro sair do carro em Câmera Lenta, logo saem Carmela, Annetta e nos outros dois carros Romano, empurra Angelina na cadeira de rodas e Gerald abraçado com Emanuelle, Romano apresenta uma liminar para Doutor Noronha, logo saem acompanhado por dois guardas da policia militar, Romano chama Cesar.

Annetta- Cesar! Romano esta o chamando... (Cesar se levanta em Câmera Lenta, soa frio, seca sua testa com um pano).

Cesar- (Off), Não há nada a ser feito, e eu estou com medo de ver a reação de Roberta! Deus esta mulher é tão monstruosa assim que precisou acontecer tudo isso? Se existe verdade nesta história, me ajude a enxergar senhor, eu não vejo nada que não seja desordem e crime, nada! (Prossegue com a cabeça baixa, preocupado a sua expressão).


3° parte:
Hospital São Miguel, Externa, Dia, Interna, Maternidade, Fundo Musical de: Ternura/Alberto Rosenblit...
Roberta coloca uma luva na cor rosa na mão direita de Agatha, o a cheira e a beija.

Roberta- Acho que perdi sua outra luvinha Agatha, linda da mãe... Sabe! Quando sair daquele lugar você estará enorme como seu irmão, mas saiba filha que vou voltar para te amar e recuperar o tempo perdido, eu amo vocês meus filhos, eu vou sofrer muito com esta separação... Deus como é difícil saber que a qualquer momento vão me separar mais uma vez de meus filhos, já tive tantas perdas, meu coração esta ferida e cansado senhor alimente minha fé e me de mais uma oportunidade de ficar mais um pouquinho com minha filha? (Roberta chora abraçada com Agatha que dorme em seu colo). Que saudade da minha paz , de brincar com Lucas, de sorrirmos por um dia de liberdade... (O radiante dia de sol se reflete sobre mãe e filha abraçadas). Corta Para:

Externa, Plano Geral, Interna, Penitenciária Sant’ Ana, Pavilhão 3. Dia, Fundo Musical de: “James Newton Howard/ Goodnight”.
Os guardas da Penitenciária abrem os portões e solta as mãos de Alana, um ambiente onde as marcas de uma rebelião trágica traz a tona os reflexos nas paredes e no clima:

Alana- De volta!... (Corta para Ante-Sala: Diretoria, Interna, Margareth retira seus óculos e fecha um velho livro judicial).

Margareth- Não vejo outra razão para você Alana... Como vimos recentemente foi transferida para esta penitenciária para cessar sua pena conforme as penalidades da lei, no entanto com base nos autos sua pena finda a partir de amanhã... (Câmera se Mexendo, Alana sorri vitoriosa e as lágrimas o a tem, ao Fundo Musical de: “Tanto Tempo/Bebel Gilberto”).

Alana- Sério?!... Diretora! Sério?! Eu! Eu! Eu estou livre?!  (Alana fica surpresa, Margareth levanta de sua poltrona e é recebida por um forte abraço de Alana). ...Uhuuuuuuuuu!!!!.(Imagem congela,  Corta Para):

Hospital São Miguel, Externa, Dia, Interna, Sala de Maternidade, Fundo Musical de: “Michael Ortega/ It's Hard To Say Goodbye”... Romano abre lentamente a porta logo ao longe Cesar avista Roberta abraçada com sua filha Agatha, Romano mostra a liminar da guarda de sua filha para Roberta.

Romano- Conforme a lei manda Roberta sua filha terá total guarda do pai aqui solene de corpo presente.

Roberta- Não! Não! Minha filha não! Ainda é cedo, por favor, deixe- me ficar mais alguns dias com ela, por favor! Eu! Eu!... (Logo as lagrimas tomam seu olhar e duas enfermeiras pegam Agatha que dorme como um anjo do colo de Roberta esta que tenta impedir). Não! Não! Cesar não deixe isso acontecer é minha filha parte de mim, parte de nós, parte de uma linda história... Não! Devolvam minha filha... Nãooooooooooooo!!!! (Chora cai de joelhos no chão, Cesar tampa os ouvidos, e chora também. Os guardas o algema os braços de Roberta, em Câmera Lenta, vê sua filha indo nos braços de uma enfermeira ao lado Cesar e Romano, e toda a imagem vai ficando fosca).


(Encerramento com a música Internacional de Locação por: “Happy/ Pharrell Williams”).



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Salamandra/ 33° Capítulo- A Liberdade de Alana, Roberta sofre por perder Agatha... Fortes Emoções!!!
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Web Novelas :: Salamandra-
Ir para: