InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 33
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!   31.10.14 22:17


Salamandra


35° Capítulo
1° parte / 2° Fase


20 anos depois... Fundo Musical de: Nox Arcana/ The Voyage...
https://www.youtube.com/watch?v=cSkou_F2vL0


Externa, Plano Geral, Interna, Penitenciária Sant’ Ana, Pavilhão 3. Noite/ Tempestade...
Roberta levanta de sua cama se agarra nas grades de ferro, Câmera se Mexendo, Cores frias, Super Close no rosto desta mulher cansada e chora agora agarrada nas grades de sua sela, os reflexos dos relâmpagos se estampam na face de Roberta os trovões revelam o ódio em seu olhar.

Roberta (Off)- Meia noite... Hoje a meia noite completa vinte anos... Vinte anos de dor sofrimento, de dias intermináveis, de sonhos acabados, de um coração ferido e destruído... Eles me roubaram tudo, tudo, roubaram a paz que eu tinha a família que Deus me deu me tiraram! Deus! Amanhã me ajude a começar e ter forças para se vingar de meus inimigos... Cansei de brincar! Agora todos vão pagar caro por tudo que passei aqui, eu juro! (Corta Para):

Mansão Pellegrini, Externo, Noite/ Chuva, Plano Geral, Câmera Aérea passa para Plano Médio.
Cesar sentado na poltrona no escritório da Mansão fica olhando para a janela sendo banhados pela forte chuva os raios refletem em sua face, preocupado, levanta-se e fecha a cortina, de repente a força acaba a Mansão fica no breu total sob os reflexos do forte raio.

Cesar (Off)- Amanhã ela sairá da Penitenciária, vinte anos!... Vinte anos se passaram e ela vai sair o que será que vai acontecer daqui para frente? O que vai ser de meus filhos quando descobrirem que sua mãe esta viva?! Que aquele velho quadro, a quem eles temem e amam uma mãe que nunca existiu, e que a verdadeira mãe esta presa! Prestes a sair... Vinte anos e te veneramos como uma Pellegrini. (Carmela ascende mais velas, pega uma taça de bebida se aproxima de Cesar).

Carmela- Ai meu filho, mais que curioso que justamente esta noite esteja chovendo tanto? Você não acha estranho? Pensa só nisso... Amanhã completa vinte... (Cesar pega a bebida feita por Carmela que a interrompe a).

Cesar- Onde esta a tia Annetta?

Carmela- A minha irmã foi ver, como se chama? O Padre Ottero! Corta Para:

Igreja Matriz Arcanjo Gabriel, Noite/ Tempestade, Interna/Externa, Fundo Musical de: Nox Arcana. Transylvania 15 Gothic Sanctum/ https://www.youtube.com/watch?v=vbtTA43BV5c

Annetta abre a porta donde fica o confessionário, Super Close na vilã, logo entra e encontra o Padre Ottero acedendo uma vela:

Padre Ottero- Annetta?! O que faz aqui a esta hora da noite em meio a tempestade Annetta?

Annetta- Eu vim vê- lo por que... Amanhã esta fazendo vinte anos desde o dia em que aconteceu aquela tragédia, eu quero que o senhor reze a missa de finados.

Padre Ottero- Annetta vai ter que me perdoar, eu não rezarei!

Annetta- Mas Padre! Durante vinte anos temos lembrado esta data celebrando uma missa de finados que o senhor nunca quis realizar!

Padre Ottero- Sabe bem porque não tenho rezado, eu não posso realizar uma missa de finados por alguém que esta vive.

Annetta- Mesmo que Roberta esteja viva esta trancada numa cadeia distante acusada de assassinato! (Padre Ottero suspira). ...Roberta é uma assassina! E para-nos todos é como se ela estivesse morta! Corta Para:

2° parte:
Mansão dos Lamas Polanski e Dzaímer, Interna, Noite/Chuva Sala de Estar, Fundo Musical de: “Time Lapse/ Michael Nyman”.


Emanuelle- Amor eu odeio todos os anos ter que ir a missa rezar por uma pessoa que esta viva, eu estou cansada desta farsa! Porque compactuamos com isso? Se é um problemas deles!

Gerald- Amor!... Também detesto essa cerimônia, se pudesse não íamos, mas sou sócio de Cesar e não vou deixar um centavo para ele parte do que é meu, tenho que proteger nosso patrimônio, temos que ir mais uma vez, me perdoa amor... (Gerald beija na boca de Emanuelle e ficam se insinuando na frente do espelho risos e flertes um cigarrete sobre um cinzeiro ao lado duas taças com bebida, Emanuelle é jogada sobre o piano completamente nua e Gerald a beija sobre o pescoço Câmera se desloca até a janela a chuva o raio se espelham na frente da Câmera). Corta Para:

Mansão dos Allamo e Baltarolli, Interna, Tarde, Sala de Estar, Fundo Musical de: “James Newton Howard/ School Nurse”.

Angelina- Amanhã completa vinte anos que Roberta matou Lucia! E mais uma vez vamos ter que ir aquela velha cerimônia por uma morta viva! (Romano esta olhando a chuva através da Janela os raios refletem sobre sua face e o trovão faz as luzes acenderem e apagarem logo volta).

Romano- Eu estou cansado de escutar o padre sempre dizendo a mesmice de sempre, e a família alimentando uma ilusão, uma mentira que não sabemos por quanto tempo pode durar, por quanto tempo?

Angelina- Eu temo pelos filhos de Cesar, são tão órfãos de mãe e sempre ensejando o carinho materno, creio para ela não deva ser fácil perder seus filhos para o destino ingrato!

Romano- Cesar é um ótimo pai e ao mesmo tempo ausente criados pelas tias, sempre tiveram o que desejaram mimados e fracos... Agatha! (Imagem de Agatha pegando um violino e tocando logo se joga na cama)... De humor estável irritante com aquela voz, emotiva chora a toa, uma hora de bem com a vida outra hora de humor insuportável, Lucas se formando em direito (Imagem de Lucas tomando remédio por sua tia Carmela um rapaz apático muito tímido para sua época tão badalado e sempre doente e fraco).

Angelina- Também teme pela vida de Emanuel uma graça de rapaz que nem imagina que foi adotado por Carmela, um rapaz de cultura e muito desejado pelas mulheres eu só escondo este segredo em prol a Cesar que no dia implorou que nada dissesse sobre o pupilo, mas a minha vontade é de revelar a verdade e acabar com a felicidade de Carmela!...

Romano- Nem pense Annetta nos diminuiria a pó, será que mesmo com todos estes tempo você ainda não se esquece desta historia?

Angelina- O tempo passa Romano, mas as marcas ficam nunca se esqueça!... Fico triste por Inácio ainda órfão da própria e vagabunda de sua mãe este ainda bem que não herdou o mau caráter da mãe é um homem formado e administra a CTA com ferro.

Romano- Ele foi tão generoso que colocou o sobrenome da família na do Inácio tenho que ficar esperto com este rapaz ele é um alvo implacável nos meus planos! (Trovejos, reflexos de relâmpagos sobre Angelina que não escuta bem).

Angelina- O que disse sobre Inácio?

Romano- Nada! Apenas elogiava sua vida, seu modo honesto de ver a vida! A apenas isso. (Corta Para).

Externa, Plano Geral, Interna, Penitenciária Sant’ Ana, Pavilhão 3. Noite/ Tempestade... Fundo Musical de: Nox Arcana/ Zombie Influx 1   Ground Zero; https://www.youtube.com/watch?v=36LDFQ-ijOA
Roberta fica inquieta na cama tem pesadelos, Câmera se Mexendo, esta agoniada;

Roberta- Não! Não! Eu sou inocente! Acreditem em mim... Não! Por favor, me soltem!... (Imagem Pixualiza no passado no dia de seu Julgamento, Roberta transpira sua respiração é tensa).
Câmera se Mexendo, Gerald, Emanuelle, Romano, Angelina, Doutor Noronha, Cidinha, Mônica, Juca, todos participantes do Navio Zenith estavam em seu julgamento:

Gerald- Eu sempre acreditei senhor excelentíssimo que Roberta Marques é uma assassina! Assassina!...

Angelina- Sim! Sempre presenciei cenas de ameaças entre Lucia e Roberta, eram sempre as discussões às escondidas! Ela quase matou Lucia afogada na piscina da Mansão! Ela merece a pena MÁXIMA!

Romano- Assassina! (Sarcástico). Sua ladra! Senhor Juiz ela roubou a CTA desviando verbas publicas! Olha aqui as provas ela assinou! (Grita Romano)... Ela assinou!

Roberta- Isso tudo é uma mentira... Eu não sei do que falam, Cesar é tudo uma mentira!

Carmela- Assassina! (Nervosa). Tem que pagar maldita!

Annetta- Nos o acolhemos e com seu jeito meigo e doce, nos enganou, você é uma assassina! Jaca Podre, maldita! Vai pagar para sempre na cadeia! Apodreça no inferno!  (Juiz retoma sua decisão).

Juiz- Baseado nas provas apresentadas pelas testemunhas, e levando em consideração ao fato de que a ré é primária em suas ações facultativas, porém pega em flagrante no ato presumido e tendo como o advogado da defesa não havendo provas concretas os suficientes que ajudem a ré na sua absolvição considera este caso como encerrado... (Câmera Detalhe no martelo batendo sobre a tabua de madeira dando a sentença diz o Juiz, Câmera se Mexendo muito suspense).
 ... Considero a ré Roberta Marques culpada!... (Momento de agitação Roberta chora em desespero, Cesar fica pasmo, Annetta sorri satisfeita)... Por homicídio qualificado, estando à ré de 12 a 20 anos de reclusão em regime fechado... Esta audiência esta encerrada pode levar a ré! (Seguranças seguram Roberta que chora desolada transtornada).

Roberta- Não! Não! Eu não matei a Lucia, acreditem! Eu jamais iria matar ninguém, Cesar meu amor me tire desta situação eu imploro! (Cesar olha para Roberta e cospe na sua cara).

Cesar- Sua assassina! Eu te odeio! Eu! Eu! Eu te amei eu te dei tudo que um homem podia dar para uma mulher, eu te dei tudo o que eu jamais sabia que podia sentir... O amor! E você me traiu Roberta como você acha que eu estou agora? Você acabou com meu sonho de ter uma família, você destruiu a nossa família e a partir de agora eu quero o divorcio também, você sempre foi um erro nas nossas vidas! (Roberta chora caída ao chão muito transtornada).

Roberta- Eu nunca iria trair você eu jamais mataria porque eu sou um ser humano que ama a criação de Deus e que foi tudo um erro eu entrei no quarto e ela estava morta, mas...

Annetta- Não tem, mas e nem menos você já era sua traidora policial o que esta esperando para levar esta assassina da nossa frente? Leve ela o quanto antes. (Momento de muita tensão Cesar chora Roberta é algemada).

Roberta- Eu sou inocente me larguem! Soltem-me! Isto tudo é uma injustiça, eu não matei ela acreditem estão cometendo uma grande injustiça eu sou inocente Cesar não me abandona. Cesar!

(Câmera se Mexendo, Roberta tenta se desprender dos policiais em Câmera Lenta, chora muito tentando se libertar e Cesar chora inconformado com a situação Roberta é levada transtornada e conduzida por uma carcereira onde abre um portão de grade que faz um barulho de arrepiar, Roberta entra calada num ambiente frio e pouco iluminada e de repente todas as detentas começam a gritar muita agitação, muito barulho, Foco em Três Vezes em Câmera Lenta em Roberta).

Roberta- Nãooooooooooooooo!!! (Esta acorda assustada, respiração profunda, esta chora encolhida numa sela fria sem vida e escura sob os reflexos dos raios e trovões).

3° parte:
Mansão Pellegrini, Externo, Noite/ Chuva, Plano Geral, Câmera Aérea passa para Plano Médio, Interno;
Agatha coloca um Cd da musica “Happy/ Pharrell Williams”, com o controle remoto aumenta o som e logo dança na frente do pai, Cesar se sente incomodado;

Cesar- Agatha abaixa o som esta muito alta eu preciso conversar com você filha! Abaixa o som Agatha!

Agatha- Pai é normal escutar o som no alto, vamos dançar? Vem eu te ensino! Entra nesta onda, (Sorri), não precisa ficar acanhado papai!

Cesar- Agatha é serio abaixa este som agora! (Agatha abaixa o som e senta no sofá).

Agatha- Muito bem o que excelentíssimo papai quer me dizer?
Cesar- Bem... Era para... (Cesar é interrompido com a chegada de Annetta).

Annetta- Miserável mais uma vez não quer rezar a missa! Padre caquético! E eu ainda reponho fundos naquela igreja pitoresca para aquele maldito padre!

Cesar- Ele se recusou novamente a rezar a missa tia?

Annetta- Sabe Cesar estou pensando em voltar para Europa sabe estou farta deste país, hoje uma tempestade amanhã a seca do nordeste estas mudanças climáticas, esta Dilma que foi reeleita para segurar a Bolsa Família e tudo pago com os impostos que nos pagamos este país não tem jeito sabe e este padre miserável que me contraria... Será que ele não percebe que é da vontade de Deus que ele precisa rezar esta missa? Eu sou a vitima desta historia! Eu!  (Cesar ri).

Cesar- Vamos tentar outro padre tia!

Annetta- Onde esta os empregados desta casa? Olha meu charque caríssimo molhado por esta chuva nojenta e poluído! Onde esta a lerda da Cida o jantar tem que estar na mesa em quinze minutos, Inácio vai vir jantar na Mansão.

Agatha- Que legal Inácio vai vir? Vou tomar banho o adoro, depois conversamos pai. (Agatha sobe as escadas).
Cesar- Ai que bom gosto da companhia de Inácio, pelo menos isso para me alegrar!

Annetta- Percebe- se é um rapaz admirável... (Annetta suspira Fundo Musical de: Saveoursoulissa/ Damon Albarn feat. Michael Nyman)... Sabe Cesar tenho a impressão que herdou nosso nome em Inácio a fim de amenizar sua culpa!

Cesar- Do que esta falando tia? Como assim?!

Annetta- Isso! A culpa pela morte propositada por Roberta como forma de amenizar a sua culpa por estar casado com a Jaca Podre! Uma forma de amenizar sua culpa do passado! (Cesar fica atônito ao que Annetta acaba de dizer). Corta Para:

Interna, Quarto de Agatha, Plano Geral, Fundo Musical de: Restart/ Nosso Verão...
Agatha deita em sua cama, abraça seu travesseiro de coração sorri apaixonada retira uma foto de sua jaqueta de um rapaz e logo beija:

Agatha (OFF)- Nunca acreditei no amor, mas será que estou amando? Será ele meu príncipe encantado? (Agatha joga a fotografia na cama e vai tomar banho, Câmera Detalhe na fotografia que fica jogada sobre a cama).

Escritório, Plano Médio, Fundo Musical de: Basic Instinct/ Soundtrack; https://www.youtube.com/watch?v=HvECb5GXF8E ...Hélida entra no escritório Plano Detalhe no salto desta que pisa silenciosamente suspeitamente sem que Cesar perceba, pois este dorme em frente a uma ladeira em chamas e logo  é beijado na boca por Hélida, este acorda mas envolvido por um beijo sedutor e deixa sua boca molhado.

Hélida- Meu corpo queima! Minha boca pede a sua! Minha alma te pertence me beija Cesar! Beija-me! (Cesar não resiste àquela força estranha, aquela estranha mulher desejando-o, esta que morde seus lábios marcados por um vermelho batom Borgonha, Cesar a beija loucamente, Câmera se Mexendo em frente à porta do escritório, Câmera Detalhe nas mãos de um rapaz que gira a maçaneta da porta que logo revela em Câmera Lenta Cesar e Hélida aos beijos ardentes e provocantes).

Lucas- O que significa esta porca vergonha aqui na Mansão?!
(Super Close em Cesar e Hélida atônitos por estarem flagrados).
 
(Encerramento com a música Nacional de Agatha por: “Nosso Verão/ Restart”).



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
everton brito

avatar

Idade : 17
Cidade : arapiraca

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!   03.11.14 21:18

Gente que cena quente entre cesar e helída e j achegou nos anos de 2014!!!!! sua web esta um maximo wilson parabens
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Wilson Bernardo

avatar

Idade : 33
Cidade : Santa Isabel

MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!   05.11.14 22:20

everton brito escreveu:
Gente que cena quente entre cesar e helída e j achegou nos anos de 2014!!!!! sua web esta um maximo wilson parabens
Obrigado everton brito por acompanhar de coração... Pois é chegou o ano em que a protagonista Roberta Marques esta prestes a sair da cadeia e disposta a se vingar de nossos antagonistas, vai ocorrer mais um crime, quem sera a vitima desta vez? E um dos aviões da CTA vai ser sabotado só para adiantar, para quem acompanha a trama vem mais surpresas em Salamandra...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Salamandra/ 35° Capítulo- Ano de 2014, Vinte anos depois... Uma grande reviravolta!!! Inédito!!!
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Web Novelas :: Salamandra-
Ir para: