InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
PedroPauloGS



Idade : 28
Cidade : Goiânia

MensagemAssunto: Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas   10.12.14 15:56



NOS EPISÓDIOS ANTERIORES:
 
Arthur estapeia Letícia com toda a força. Por impulso, Vanessa tenta ajudar, mas não consegue. As corujas reagem novamente.

Vanessa: Por favor... PARE ARTHUR!

Os olhos das corujas, dessa vez, ficam brancos totalmente. De repente, Letícia e Vanessa começam a ter convulsões. Arthur se espanta e entra em seu carro. As duas ficam pálidas, e congelam!

[...]

Guilherme: TE PROÍBO! Te proíbo de voltar a pôr os pés dentro dessa...
Heitor: (olhando preocupado para o pai) O que têm pai? (segurando-o) Se sente mal?
Guilherme segurando as mãos no peito, e desmaia.

[...]

Gustavo: Tá tudo aqui! Melhor que sair pra aquela boate lotada.

Bernardo (pensando): Sinto que essa noite vai ser maravilhosa!

[...]

Arthur: Talvez eu...

Sophia: (interrompendo ele) Já sei! Minha prima! Ela me ligou, e disse que estava voltando de uma viagem que tinha feito!

"Corujas Sem Asas"
uma web de Pedro Paulo Gondim

1ª TEMPORADA
Episódio 1x10 - Incertezas

Neste episódio estreiam:
Quitéria Chagas como Fernanda Roncalio
Jennifer Carta como Luana Luck
Brenda Song como Camila Marcílio Azevedo

No laboratório da delegacia, uma cientista conversa com Sophia.

Fernanda Roncalio: (31 anos, negra, magra, alta) Me diga, como aconteceu?

Sophia: Bem não sei direito, mas, se elas estavam na praça, tem a ver com corujas.

Fernanda: Corujas? Está gozando da minha cara?

Sophia: (juntando as mãos) Eu juro! Juro que foram corujas. Mas não posso revelar a ninguém onde está.

Fernanda: (indignada) A senhora que as congelou não foi?

Sophia: (mais indignada ainda) Como eu faria isso?

Fernanda: (curiosa) Eu não sei! Quero uma resposta definitiva sobre esse caso espantoso, mas quando a resposta chega, não é concluída!

Sophia, nervosa e aflita, passa a mão em volta de seu pescoço. Decide de uma vez, levar Fernanda até o esconderijo delas na praça. Na rua, Arthur bebe cerveja encostado-se a seu carro. Ele recebe uma ligação e vai direto para a redação de jornalismo.

Arthur: (cara de sono) Por que me ligou a essa hora, Luana?

Luana Luck: (29 anos, cabelos lisos, longos, magra, média) A equipe me mandou te acompanhar até o hospital.

Arthur: (tentando ficar acordado) Pra quê?

Luana: Não soube do infarto de Guilherme Barny?

Arthur fica chocado com a notícia. No apartamento de Bernardo, ele e Gustavo ficam farreando pela noite. Eles se sentam no sofá.

Gustavo: (embebedado) Vou me jogar de cima do prédio!

Bernardo: (sóbrio) Cuidado pra não se machucar!

Gustavo pula encima de Bernardo, onde os dois rolam direto para o chão. Gustavo fica em cima de Bernardo, e seus rostos bem próximos.

Pela tentação do momento, Bernardo dá um rápido selinho em Gustavo. Gustavo se levanta e vai ao banheiro, deixando o amigo lá na sala, desesperado.

Bernardo (pensando): O que foi que eu fiz?

Logo após, Gustavo volta e deita no chão, e dorme, do lado contrário a Bernardo. Ele também aproveita e deita, acariciando as costas e os cabelos de Gustavo. Depois ele vira para o lado contrário. Gustavo, também se vira e coloca seus braços entre a cintura de Bernardo, e sua perna sobre a dele. Bernardo abre um enorme sorriso em seu rosto e se lembra.

Bernardo: (falando baixinho) Eu disse que hoje poderia ser uma noite maravilhosa!

No hospital, Heitor se demonstra aflito. Quando de repente, ele é surpreendido por uma jornalista.

Luana: Olá! Sou da redação, e queria que me desse algumas informações sobre o acidente de seu pai.

Heitor: (meio calmo) Vou tentar te explicar. Isso não foi um acidente. Mariana Luzzy deve ser presa imediatamente.

Luana: E o que essa moça fez?

Heitor: Namorou comigo, com meu irmão e com meu pai ao mesmo tempo. Quando meu pai soube disso, enfartou!

Luana fica curiosa pela situação da família. Do outro lado, Arthur entrevista Antônio.

Antônio: (chorando) Foi algo que... abalou a nossa estrutura familiar. É certo que meu irmão concorde comigo que Mariana deve ir pra cadeia.

Arthur: (comovido) Calma, não estou aqui para julgar ninguém. Apenas fazer uma entrevista para informar os leitores.

Antônio abraça Arthur e chora em seu ombro. No quarto onde Guilherme está, um médico e uma enfermeira conversam.

Médico: O que você acha?

Enfermeira: (triste) Pelo menos... mais três dias de vida.

Na praça, Sophia mostra as corujas a Fernanda.

Fernanda: (pegando cuidadosamente uma delas) Que curioso. Nunca vi essa espécie em minha vida!

Sophia: Você acha que estamos sofrendo invasões?

Fernanda: Não. São apenas bichinhos novos. Eles não são alienígenas. Acho que... É o seu nervosismo que as assusta. Estou calminha, e elas estão felizes e brincando.

Sophia: (com um sorriso no rosto) Foi bom te conhecer, doutora. Sinto que nos veremos em breve. Preciso descansar um pouco das euforias de hoje. Até mais!

Ela se levanta e vai com seu carro para casa. Fernanda, curiosa, pega uma gaiola grande e coloca as corujas dentro dela, e as leva para um estudo, direto em seu laboratório na delegacia.

Casa da família Barny, cozinha [Madrugada]...

Heitor: (tomando leite) Foi uma boa ideia sua, de virmos pra casa. Devemos descansar um pouco, Antônio. Precisamos de energia e disposição para o que der e vier.

Antônio: Você tem razão. (tomando um copo de água) Vou subir pro meu quarto, qualquer coisa, só ir lá. (coloca o copo em cima de uma mesa; sobe as escadas; fecha a porta de seu quarto).

Heitor termina de beber seu copo de leite e sobe as escadas, de onde vai para seu quarto. Ele se deita na cama para cima. Olhando para o vago, ele pensa onde passou à tarde anterior.

Flashback: Parque “Flora” [Tarde].

Heitor: Somos belos amigos, desde que nos separamos. Nunca perdemos contato um com o outro.
Ana: A culpa sempre foi sua. Se você não tivesse molhado meu vestido, naquela festa, talvez nunca tivéssemos uma paixão.

Heitor: (segurando as mãos dela) Sei que você já tem marido e pretende ter filhos, e tal, mas, sempre vou estar ao seu lado.

Ana: (abraçando-o) Amigos pra sempre!

Finalmente o sol nasce. São 8h:00 da manhã, e Sophia está no aeroporto. Carregando maletas e malas vermelhas, chegam seus primos e sua avó. A prima faz o “favor” de chegar primeiro.

Camila Marcílio: (22 anos, pele clara, cabelos loiros) Priminha!

Sophia: (abraçando-a) Que saudades prima! Estava tão sozinha em casa.

Camila: (estranhando) E sua irmã?

Sophia: Uma longa história. Pedi pro meu chefe me dar o dia de folga pra te receber.

Camila: (contente) Tenho tantas novidades. Você nem sabe quem estou namorando?

Sophia: (bastante curiosa) Quem? Fala!

Camila: Rodrigo Cândido! O filho daquela famosa cantora mexicano-brasileira Josyane Luzzy!

Enquanto isso, no apartamento de Bernardo...

Gustavo: (botando a mão na cabeça) Que enxaqueca!

Bernardo: (disfarçando) Também estou com um pouco de dor.

Gustavo: (meio zonzo) Foi impressão minha ou... Você me beijou ontem?

Bernardo demonstra seus sentimentos por ele, afirmando com um selinho um pouco demorado. Gustavo o agarra e eles começam a se beijar intensamente.

Comente o que está achando da web!

Fique com uma das músicas da trilha
sonora nacional da série.




Última edição por PedroPauloGS em 25.01.15 0:26, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Andre Silva



Idade : 26
Cidade : Uberlandia

MensagemAssunto: Re: Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas   11.12.14 2:16

Adoro a serie e a trilha sonora.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PedroPauloGS



Idade : 28
Cidade : Goiânia

MensagemAssunto: Re: Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas   11.12.14 14:07

Obrigado, Andre. 

Continue lendo a web, lembrando que ela só volta do hiatus dia 05 de janeiro (05/01/2015) às 16h.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Corujas Sem Asas || Episódio 1x10 - Incertezas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Web Séries :: Corujas sem Asas-
Ir para: