InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Victor Morais
Gold
avatar

Idade : 21
Cidade : São Bernardo do Campo

MensagemAssunto: Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."   27.01.15 18:37

Entrevista com o autor Vinícius Gabriel, que recentemente esteve com uma obra no portal, a web série “ O Internato”.

Olá Vinícius, primeiramente obrigado pela disponibilidade em conceder essa entrevista, que visa mostrar um pouco mais sobre os autores do Portal Séries de Web que concorrem na premiação para os " melhores do site". E vamos as perguntas.

1- Você gosta muito de escrever? Acha que levaria jeito para algo mais sério relacionado a escrita ou é apenas um hobby ?

Vinícius: Eu já escolhi minha profissão: Medicina. Mas escrever para mim é algo grandioso demais para se acorrentar numa rotina diária. É arte, sonhos, viajar. Por isso sou adepto a tão famosa libertinagem literária. Por isso não digo que é um hobby, mas sim uma terapia de vida.

2- “ O Internato” foi a sua primeira obra publicada na internet? Caso não, qual foi a sensação de publicar o primeiro capítulo no portal?
Vinícius: Na verdade não foi, mas não gosto de falar do passado. A sensação foi maravilhosa, mesmo por que essa obra marca meu amadurecimento, revela meu estado de espírito como a ansiedade por exemplo. Domínio de uma escrita literária e até narrativa, por que se você comparar o início com o fim, são duas histórias bem diferentes, eu consegui me surpreender e espero a todos os leitores também.

3- Sua web-série atingiu altos índices de audiência porém a repercussão( comentários) foi relativamente baixa como você próprio comentou. Dá prioridade a comentários ou visualizações?

Vinícius: Com certeza a comentários, mesmo por que visualizações o próprio autor pode sem querer alterar a contagem. Até para medidas de uma audiência mais justa o certo seria essa opção. No começo, eu me sentia mal, achava que ninguém estava afim, mas depois descobri que muitos curtiram, só não sabiam como se inscrever no Portal. Então me animou para continuar postando. 

4- Ainda no assunto da repercussão, mudou ou mudaria algo em uma obra sua para tentar fisgar leitores?

Vinícius: Mudaria sim, sem problema nenhum. Apesar que geralmente termino meus trabalhos com meses de antecipação. Por exemplo, minha próxima web série para Março já está todinha pronta. Ponto de Vista se alguém ficou curioso, haha'

5- Em que autor se inspira ou qual autor admira? Quais foram as suas inspirações pra fazer a série “ O Internato”?

Vinícius: Difícil essa pergunta, por que minha obra são recortes de livros ou séries que me marcaram misturado com meu inconsciente e percepção do mundo ao meu redor. Mas os mais enfáticos posso citar 1984 de George Orwell e Orgulho e Preconceito de Jane Austen.
 
6- Alguns autores acham difícil manter o ritmo durante uma obra, já outros creem que o mais difícil é a composição dos personagens. O que acha que foi mais difícil durante todo o processo de escrita da sua série?

Vinícius: Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão. Cada cena se não for para gerar humor, deve ter uma importância crucial para a história. Sou até bem frenético, pela minha ansiedade. (Risos). Quanto aos personagens não digo difícil, mas deve ser cauteloso. Lorenzo, vilão gay era para ficar humanizado, mas exagerei na comédia e ele virou piada. Tem que temperar na medida certa, é como se estivesse cozinhando. Muito sal vira mito e pouco sal fica muito superficial. Mas tenho medo de ficar sem sal e por isso exagero no outro extremo. 

7- Falando em personagens, qual o personagem lhe deu mais prazer de escrever em “ O Internato”?

Vinícius: Foi o Lorenzo com certeza (risos). Ele tem muito de mim nele. Não que eu seja uma bicha maléfica, mas o jeito dele, de agir e não levar desaforo para casa, é muito algo que eu queria ser, mas não consigo, sou dos que sofrem calados, pessoalmente falando. Mas no geral todos. Cecília com sua bravura. Abiel com sua insegurança. Marieta sapeca. Manoela e sua bipolaridade. Tony e seus mistérios. Cassandra elegante, entre outros... 

8- Ao longo de “ O Internato” vimos que fez vários tópicos para interagir com os leitores. Interagiu inclusive antes de a série começar, com uma intensa divulgação. Acha o contato do leitor-autor importante?


Vinícius: Claro, isso faz muita diferença na repercussão e para própria segurança, é um teste para ver se sua obra está no caminho "certo". Mas sou muito inexperiente nessa parte. Meu lindo, O Thalles é muito melhor nisso, mas já fechamos contrato para as próximas produções (risos).
9- Com base em um critério geral, daria um saldo negativo ou positivo para sua série?

Vinícius: Saldo médio, pode ser? Brincadeira! Positivo por que sempre amadureço com um trabalho e isso diz tudo, ponto final. Erros servem para crescer. 

10- O que acha mais importante em um autor? Sabe que muitos autores “iniciantes” que não se revelam pois não se cadastraram pode estar lendo essa entrevista. A eles, qual conselho daria? Aconselha a publicarem suas web novelas/séries na internet e/ou no portal?

Vinícius: O mais importante em um autor é buscar a felicidade com seu trabalho. Tanto que não sou de tratar temas em minhas webs, gosto de buscar naturalidade. Gosto de abrir o Word e viajar, só salvo um capítulo quando sinto aquele gostinho de quero mais. Meu Conselho é sintam realizados que o resto se encaminha. Ritmo, estrutura, história, isso é muito pessoal, não se iludem que vão agradar uma maioria, não conte com essa segurança fora, busque ela aí dentro, no coração. Publiquem no Portal por que essa autonomia que o site oferece, jamais vi em outro blog. Você fica responsável pela sua obra. 

11- Com o fim de “ O Internato” pretende publicar outra obra no portal ou na internet? Quais foram as experiências e lições que essa série lhe deixou de alguma maneira?

Vinícius: Ponto de Vista, que será um nazismo no Portal, vou surpreender o leitor de como o estado de alienação mexe com todos. E como uma não aceitação pode tirar vida de inocentes. Quero botar todo mundo para pensar no que a mídia faz com as nossas cabeças. O Internato é minha prisão de sentimentos. Tudo que estava no meu íntimo, eu desabafei. Me ensinou a controlar a minha ansiedade e ter cautela de não me doar sem limites, por que mesmo que distante, esse limite tem que existir. Ficou algumas horas incoerentes ou forçado demais por causa disso. Me fez descobrir que tenho que escrever mais roteiro, que o povo do Portal é mais objetivo (risos) e que não tem como uma adolescente de 14 anos pensar como Sherlock Holmes, haha'. Mas me deixou muitas saudades, agora que postei, aquela música da morte de Cecília. Yesterday dos Beatles... aquilo vai ficar para sempre.
Obrigado e desejo sucesso a todos. Melhores do ano está aí, que vença o mais preparado nos olhos do público... 

....................................................................................
POR VICTOR MORAIS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rodrigomes
Gold
avatar

Idade : 19
Cidade : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."   27.01.15 20:10

Gentem!! O Victor evoluindo cada vez mais com suas entrevistas deliciosas. Além destas perguntas que são muito bem construídas. Vini, como foi legal saber mais sobre ti... E espero que todos nós tenhamos bastante sucesso com os nossos futuros projetos Very Happy

....................................................................................
Rodrigomes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Wagner Nascha
Gold
avatar

Idade : 20
Cidade : Formosa do Rio Preto

MensagemAssunto: Re: Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."   27.01.15 23:40

Entrevista MoMo, gostei.
Parabéns Victor pelas bem elaboradas perguntas e a meu amigo Vinícius pelas respostas bem dadas, amei, vocês foram D+ em toda a entrevista!!!! Very Happy I love you Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://webficção.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Entrevista com Vinícius Gabriel: " Ritmo para mim é fácil. Mesmo por que eu não suporto lentidão."
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Novidades :: Melhores do Ano-
Ir para: