InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Maria Madalena || Capítulo 37

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vinícios
Administrador
Administrador
avatar

Idade : 28
Cidade : Americana

MensagemAssunto: Maria Madalena || Capítulo 37   01.11.13 22:16



Maria Madalena - Capítulo 037

Apartamento de Anita/Madalena. Madrugada (por volta da 5h).
Artur pega o copo que esta no escorredor em cima da pia, e enche até a metade com a água da garrafa, em seguida completa o copo com alga do filtro da torneira e entre para o garoto beber.
MADALENA: Léo! – ela chama da porta do quarto. Mas sem vê que o garoto está fazendo e nem com quem.
Artur por um estante acha já ter ouvido aquela voz em algum lugar mais não lembra onde.
ARTUR: É a sua mãe chamando?
LÉO: É sim.
Artur lembra que está só de cueca e decide voltar para o quarto de Anita. Ele põe a mão no ombro do garoto e fala:
ARTUR: Gostei muito de conhecê-lo garoto, espero que possamos ser amigos ok.
Léo balança a cabeça em afirmativa, enquanto bebe a água.
Artur passa pela porta entre aberta do quarto de Maria Madalena, mas só vê a sobra dela. Ele abre a porta do quarto de Anita e entra.
...
Apartamento de Júlio. De manhãzinha.
Ester sai do banheiro vestindo apenas o sutiã e a calcinha. Ele pega sua roupa no chão e começa a vestir. Da cama Júlio observa ela se vestir.
ESTER: Não acredito que fiquei até uma hora dessas aqui com você. Você não vai se levantar não? – disse ao vê que Julio continuava deitado em baixo dos lençóis. – Levanta logo daí, logo a Barbara deve acordar e ela não pode perceber que você passou a noite fora.
JÚLIO: Não esquenta com isso, dificilmente ela acorda antes das Dez horas.
ESTER: Eu passei a noite toda aqui e você ainda não me falou o que você disse que tinha para me falar.
JÚLIO: Ah... Verdade. – disse se sentando na cama. - Eu falei com o meu amigo que está investigando a tal da Maria Madalena...
ESTER: E?
JÚLIO: E que ele descobriu que ao que tudo indica ela está morando aqui em São Paulo.
ESTER: Como que é? – disse olhando fixamente para Júlio.
...
Apartamento de Beto. De manhãzinha.
Beto está deitado em sua cama, sem consegui dormir, como muito informação em sua cabeça para processar, muita coisa para decidir.
De um lado tinha a Maria, por quem Beto estava apaixonado. Ele se lembra dos momentos que passaram juntos. Do passeio pelo Parque do Ibirapuera e por pontos turísticos de São Paulo. Da primeira vez que ele a viu no ARES, do primeiro fora. Ele ri ao se lembrar disso. Lembra-se da primeira vez que ela resolveu confiar nele, depois da festa na casa dos Gouveia.
BETO: Ah! Maria o que eu faço. Meu Deus! Me da uma luz.
Em meio a tudo isso tinha o Lucas também, seu melhor amigo. Amigo esse que era um verdadeiro irmão. Com quem sempre pode contar, com quem dividia todas as suas experiências.
BETO: Eu não posso fazer isso com o Lucas. Eu tenho que contar.
Ele se senta na cama, e pega o celular na mesinha de cabeceira e liga para o Lucas. Mas ao primeiro toque ele desliga.
BETO: Não! Eu prometi a ela – disse se deitando novamente na cama. – Eu preciso falar com ela novamente antes de tomar qualquer decisão.
Ele cruza os braços por detrás cabeça e volta a pensar em tudo aquilo. Volta a pensar na Maria. Será que ela tinha algum sentimento por ele.
...
Apartamento de Júlio. De manhãzinha.
Júlio engatinha em cima, só de cueca, e para de joelhos atrás de Ester, que agora está sentada na cama.
ESTER: Eu não acredito que ela veio atrás dele.
JÚLIO: Não é certeza ainda e, mesmo que seja, não acho que ela tenha vindo atrás do Lucas. Se ela tivesse vindo, acho que já teria indo atrás dele.
ESTER: Pode até ser, mais e quanto à herança. Falta mais ou menos um mês para a leitura do testamento.
JÚLIO: É. Isso não temos como ter certeza. Tudo indica que o filho dela tem direito a uma parte da herança e ele pode muito bem te vendido disposta a brigar por esse dinheiro.
ESTER: Quanto a isso não me preocupa muito, tenho certeza que a Barbara não vai deixar que isso aconteça. O que me preocupa é que ela se envolva com o Lucas novamente.
...
Apartamento de Anita/Maria Madalena. De manhã.
Maria Madalena sai do quarto e vai à cozinha onde encontra Anita tomando café.
MADALENA: O Léo me falou que tinha o cara aqui hoje mais cedo.
ANITA: É. O nome dele é Artur, mas já foi embora.
MADALENA: Entendo – disse sorrindo – E era gatinho.
ANITA: Se era – disse se abanando. – E ainda de quebra era gostoso. Agora pense em um cara gostoso. Pensou. Era muito mais.
As duas riem da situação.
MADALENA: O Léo falou que ele tava só de cueca. Que pena que eu não consegui vê-lo.
ANITA: Quem sabe na próxima. Mas é só pra olhar ok, nada de querer tirar um pedaço.
MADALENA: E vai ter uma próxima.
ANITA: Eu espero que sim. Eu... – ela não termina a frase, pois escuta o interfone tocando.
MADALENA: Quem será uma hora dessas.
ANITA: Deixa que eu vejo quem é – disse se levantando, caminha até a interfone e atendo.
MADALENA: Quem é?
ANITA: O Rodrigo. Ela ta subindo.
...
Apartamento de Ester. De manhã.
Ester sai do elevador e para em frete a porta doo seu apartamento. Procura a chave em sua bolsa. Ao achar a chave, ela abre a porta e entra em seu apartamento.
Ela fecha a porta e se encaminha para sala, onde joga a bolsa em cima do sofá.
LUCAS: Posso saber por onde você andava? – disse vindo da cozinha com um copo de água na mão.
Ester se vira assustada ao ouvir a voz de Lucas e, não consegue responder imediatamente a pergunta de Lucas.
...
Apartamento de Anita/Maria Madalena. De manhã.
Madalena abre a porta para Rodrigo entrar.
RODRIGO: Oi! Como você está? – pergunta parecendo um pouco preocupado.
MADALENA: Estou bem. Falei que não precisava se preocupar... Entra.
Rodrigo caminha até o meio da sala.
ANITA: Oi Rodrigo!
RODRIGO: Oi Anita! Tudo bem?
ANITA: Sim obrigado. Você deixar vocês conversarem a sós.
MADALENA: Obrigado!
Anita vai para o quarto.
RODRIGO: Madá, to muito preocupado com você. O que aconteceu ontem? Quem era aquele tal de Beto? E porque você passou mal? O que ele te disse pra você ter desmaiado?
MADALENA: Nossa! Quanta pergunta. – ela ri. E se senta no sofá.
RODRIGO: E você não vai me responder? – pergunta se sentando.
MADALENA: Ok, mas preciso que você fique calmo ok.
RODRIGO: Ok.
MADALENA: Ele é um amigo que conheci onde trabalho.
RODRIGO: Amigo! E desde quando amigo faz serenata para a amiga.
MADALENA: Agente ta se conhecendo melhor, mas nunca passou de amizade. Mas a questão não é essa.
RODRIGO: E qual é a questão então? – perguntou num to meio agressivo.
MADALENA: Eu não gostei desse seu tom. Você sabe que não te devo nenhuma satisfação da minha vida, se to te contando é porque você é meu amigo. Mas posso muito bem para de falar agora mesmo.
RODRIGO: Você tem razão. Me desculpe!
MADALENA: Tudo bem. Voltando ao assunto. A questão é que descobrimos ontem, eu e ele, que...
RODRIGO: Que...?
MADALENA: Ele é o amigo do Lucas.
RODRIGO: Que Lucas? – nesse momento caie a ficha. – O Lucas de Ilha Comprida.
MADALENA: Ele mesmo.
Madalena explica tudo o que aconteceu, que ela tinha decidido se abrir com o Beto, e quando estava contando sua historia para o Beto, ele juntos as peças e percebeu que eu estava falando do Lucas e sua família. E que o Beto lhe falou que conhecia o Lucas, mais que isso, ele era o melhor amigo dele.
Depois ouvir tudo que Maria Madalena tinha para falar Rodrigo fica ainda mais preocupado. Preocupado que ela se envolva novamente com essa família e que volte a sofrer.
RODRIGO: E o que você vai fazer agora?
MADALENA: Eu ainda não sei. O Beto e eu, ainda temos uma conversa para terminar. Mas independente do resultado dessa conversa eu decidi que não vou mais fugir. Se eu tiver que encarar essa família novamente eu farei.
RODRIGO: Entendo. O que você decidir eu vou te apoia e ficar do seu lado para o que você precisar ok?
MADALENA: Obrigado! – disse se levantando. Em seguida ela o abraçou.
...
Apartamento de Ester. De manhã.
Ester está sentada no sofá. Lucas caminha até a sala e se encostado na mesinha que estava encostada na parede.
LUCAS: Você ainda não me respondeu.
ESTER: Passei a noite na casa da minha tia – mentiu ela. – Mas acho que não te devo nenhuma explicação certo?
LUCAS: Certo, não deve mesmo, já que não somos mais noivos. Mas ainda me preocupo com você. E como você não atende seu celular desde ontem eu fiquei preocupado.
ESTER: Eu sei que você se preocupa. Desculpa pelo jeito que falei – disse se levantando. – E não atendi suas ligações porque acabou a bateria do meu celular e esqueci de colocar o carregador na bolsa. – disse se aproximando de Lucas e parando na sua frente.
LUCAS: Tudo bem, eu entendo. O importante é que você está bem. – disse beijando-a suavemente na boca. – E a sua tia?
ESTER: O que é que tem minha tia?
LUCAS: Como ela está? Você não foi visita-la.
ESTER: Ah! Claro. Ela esta bem sim. Só senti saudade e vontade de conversar com alguém.
...
Apartamento de Anita/Maria Madalena. De manhã.
Anita volta para a sala e encontra Madalena senta no sofá, aparentemente pensando.
ANITA: O Rodrigo já foi?
MADALENA: Já foi sim, ele tenha uns negócios para revolver.
ANITA: Hum! Entendo. E o Léo? Ainda dormindo?
MADALENA: Pois é. Quis deixa-lo aproveitar. Amanhã vamos na escola resolver a situação dele.
ANITA: Falando nisso. Você já resolveu como vai fazer na hora do trabalho.
MADALENA: Já sim. Eu falei com a Dona Fátima do apartamento da frente e ela concordou em deixar a filha dela ficar de baba do Léo e dormir aqui com ele.
ANITA: Ainda bem.
Alguém bate na porta.
ANITA: Outra vez. O pessoal tirou o dia para madrugarem na nossa porta hoje.  
MADALENA: Nem tocaram o interfone. Deve ser o Rodrigo.
Madalena caminha a até a porta e a abre.
MADALENA: Você?
BETO: Eu acho que temos uma conversa para termina não é?
...
Continua...
 
 
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Maria Madalena || Capítulo 37
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Webs Encerradas :: Finalizadas :: Maria Madalena-
Ir para: