InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Maria Madalena || Capítulo 58

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vinícios
Administrador
Administrador
avatar

Idade : 28
Cidade : Americana

MensagemAssunto: Maria Madalena || Capítulo 58   01.02.14 22:19




Maria Madalena - Capítulo 058

Em frente ao Cemitério. De manhã.
Barbara sai do cemitério, e vê Lucas entrando na viatura da Policia. Logo atrás dela saem Edgar e Elizângela.
A viatura da policia vai embora levando Lucas.
Ao vê Maria Madalena para em frete ao cemitério, Barbara se aproxima.
BARBARA: O que aconteceu? Pra onde estão levando meu filho?
MADALENA: Uns policias apareceram dizendo que o Lucas tinha que acompanha-los até a delegacia. Eu não entendi direito o porque, mas parece que ele está sendo acusado de matar o Beto.
BARBARA: O que? Isso é impossível, meu filho nunca faria uma coisas dessa.
EDGAR: O que aconteceu Barbara?
BARBARA: O Lucas foi preso, é tudo sua culpa.
EDGAR: Como assim preso?
ANITA: Uns policias apareceram aqui procurando por ele e o levam para delegacia.
EDGAR: Eu vou ligar para o Dr. Ferrazo, ele vai saber o que fazer.
BARBARA: E eu vou agora mesmo para a delegacia.
MADALENA: Eu vou com você.
BARBARA: Você ta louca. Eu não quero que você chegue perto do filho, será que você não vê que isso é tudo culpa sua, se você não tivesse aparecido nas nossas vidas nada disso estaria acontecendo.
EDGAR: Pode deixar que eu te levo – disse para Maria Madalena, enquanto estava com o telefone no ouvido esperando o Dr. Ferrazo atender.
MADALENA: Não precisa obrigada, agente se vira. – disse pegando na mão de Anita e a puxando para longe de Barbara e de Edgar.
...

Rua ao lado do cemitério. De manhã.
Júlio (motorista) está dentro do carro de Barbara esperando a patroa para leva-la para casa. Enquanto isso ele conversa com Ester por telefone.
JÚLIO: Por que você não veio ao enterro? O Beto era o melhor amigo do Lucas, certo?
ESTER: Eu ia, mais acordei hoje com um mal estar, não sei o que é.
JÚLIO: Mas você está bem? Quer que eu passe ai mais tarde?
ESTER: Não precisa, eu já estou bem... Ela está ai?
JÚLIO: A Maria? Ta sim... O que? O que está acontecendo.
ESTER: O que? O que aconteceu?
JÚLIO: Parece que o Lucas foi preso.
ESTER: Como assim?
JÚLIO: Não sei, não vi o que aconteceu, só vi o carro da policia passando aqui do lado com o Lucas dentro... Espera... Vou ter que Desligar, a Barbara está vindo pra cá.
ESTER: Ok, me mantenha informada.
...

Apartamento da família corona. Sala. De manhã.
Mario entra na sala e fecha a porta.
DOROTEIA: Você passou a noite no hospital.
MARIO: Foi - disse se sentando no sofá. – Apareceu uma cirurgia de emergência e levou a noite quase toda. Estou muito cansado.
DOROTEIA: Entendo – disse se aproximando por trás do sofá e começando a fazer uma massagem nos ombros de Mario.
MARIO: O que você está fazendo?
DOROTEIA: É só uma massagem, vai ajudar a relaxar.
MARIO: É melhor eu tomar um banho – disse se levantado.
DOROTEIA: Tudo bem. Mas eu preciso falar com você.
MARIO: Ok, eu sei que tenho fugido de conversar com você mesmo, depois do banho conversamos pode ser.
DOROTEIA: Pode sim.
...

Rua ao lado do cemitério. De manhã.
ANITA: Por que você não quis aceitar a carona, você não quer ir na delegacia saber o que aconteceu com o Lucas.
MARIA MADALENA: quero sim – disse fazendo sinal para um táxi. – Mas não com aquele homem.
O táxi passa direto, já estava ocupado.
ANITA: E porque não?
MADALENA: Outra hora te conto – disse fazendo sinal para o táxi novamente, mas dessa vez o táxi para – vamos?
ANITA: ok – disse entrando no táxi junto com Maria Madalena.
...

Delegacia de Policia. Sala do Delegado. De tarde.
Lucas está sentado de frente para o Delgado Braga, respondendo as perguntas que lhe são feita.
DELEGADO BRAGA: Então você confirma que ameaçou a vitima alguns dias antes da explosão.
LUCAS: Eu já falei que sim, mas isso não quer dizer que fui eu que coloquei a bomba na agencia. Até porque a agencia era minha, porque que eu a explodiria.
DELEGADO BRAGA: Mas a agencia estava no seguro, logo você a teria de volta.
LUCAS: Delegado eu já falei que não fui eu.
DELEGADO BRAGA: Pelo depoimento que eu recolhi dos seus funcionários, ele disseram que você estava com muita raiva do senhor Roberto no dia em que o ameaçou.
LUCAS: Mas foi no calor do momento, nas discutimos e brigamos e uma coisa levou a outra.
DELEGADO BRAGA: E a razão dessa briga, pelo que costa aqui, é uma mulher.
LUCAS: Só pra ver se fica claro, eu quase podia ter morrido também na explosão, não só eu como meu primo João, a agencia explodia bem na hora em que estávamos entrando na agencia, se tivéssemos chegado 15 segundos antes, talvez eu não estivesse aqui agora sendo acusado de um absurdo desses.
DELEGADO BRAGA: Sim eu já peguei o depoimento do seu primo e o seu também.
LUCAS: Mas então?
DELEGADO BRAGA: Mas nos temos mais uma prova.
LUCAS: Que prova?
DELEGADO BRAGA: O celular da vitima, ele foi encontrado nos escombros da agencia. E lá no celular costa uma mensagem sua pedindo que a vitima fosse ao seu encontro com urgência e bem cedo na agencia de turismo.
LUCAS: Mas eu não mandei mensagem nenhuma. Pode ver? – disse entregando o celular para o delegado.
DELEGADO BRAGA: Mas o que me garante que você não apagou a mensagem. Esse aqui não é o seu numero? – disse mostrando o numero de telefone escrito em uma folha de papel.
LUCAS: É sim. Mas isso não prova nada.
DELEGADO BRAGA: É você tem razão, não prova que foi você quem colocou a bomba, mas te faz ser o principal suspeito.
DR. FERRAZO: Com Licença delegado – disse entrando na sala.
DELEGADO BRAGA: E quem é você?
DR. FERRAZO: Sou o advogado do Lucas. O senhor tem alguma acusação formal contra o meu cliente.
DELEGADO BRAGA: Ainda não.
DR. FERRAZO: Então acabamos por aqui. Vamos Lucas.
Lucas se levanta.
DELEGADO BRAGA: Eu ainda não acabei...
DR. FERRAZO: A não ser o que o senhor faça uma acusação direta ao meu cliente, acabou sim.
...

Apartamento da família corona. Sala. De tarde.
MARIO: Pronto! – disse voltando pra sala, depois do banho. – Podemos conversar agora.
Doroteia continua sentado no sofá onde esperava por Mario.
MARIO: Eu não sei ao certo o que aconteceu naquele dia, acho que estava muito bêbado.
DOROTEIA: Eu posso te contar tudo o que aconteceu.
MARIO: Não precisa, até porque não vem mais ao caso, pois é algo que não vai mais se repetir.
DOROTEIA (em pensamento): É o que você pensa!
MARIO: Na verdade gostaria de conversar com você sobre sua estadia aqui é que você veio para...
DOROTEIA: Você está me expulsando?
MARIO: Claro que não! É só que...
DOROTEIA: Eu estou grávida, e o um filho seu Mario!
...

Delegacia de Policia. Recepção. De tarde.
Barbara espera ansiosa na recepção pelo filho.
Dr. Ferrazo e Lucas aparecem na recepção.
Lucas caminha em direção a Barbara que está doida para da um abraço no filho. Mas Lucas passa direto pela mãe e abraça Maria Madalena que estava entrando na delegacia acompanhada de Ester.
LUCAS: Obrigado por ter vindo. Isso quer dizer que você acredito que não fui eu.
MADALENA: Eu acredito sim em você!
Lucas beija Maria Madalena, que corresponde ao beijo.
BARBARA: Lucas!
Mas Lucas nem da atenção para mão.
BARBARA: Solta meu filho sua vagabunda – disse puxando Maria Madalena pelo braço.
LUCAS: Mãe o que você está fazendo?
BARBARA: O que você está fazendo? Como pode ta beijando essa mulherzinha? A amante do seu pai e do seu amigo também, já esqueceu.
LUCAS: Mãe eu não vou permitir que você fala assim da Madá.
MADALENA: Deixa Lucas que eu sei me defender! – Disse dando um tapa na cara de Barbara.  
BARBARA: Ai!
EDGAR: Cheguei bem na hora – disse entrando na delegacia também.
BARBARA: Sua vaca! – disse devolvendo a tapa de Maria Madalena.
MADALENA: Eu vou te mostrar que em a vaca aqui! – Disse partindo pra cima de Barbara.
...

Continua...




Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Eduardo Lobo

avatar

Idade : 19
Cidade : Redenção

MensagemAssunto: Re: Maria Madalena || Capítulo 58   02.02.14 12:56

Capítulo bastante empolgante. Quero ver a continuação do barraco.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
bianca mch

avatar

Idade : 22
Cidade : Brasília

MensagemAssunto: Re: Maria Madalena || Capítulo 58   02.02.14 16:22

Também achei Eduardo, acho que agora que ta acabando vai ter vários assim. Ansiosa para ver a continuação da ultima cena, tomara que a Maria arrebente a cara da doida da Barbara. 

Agora que o Beto morreu pelo visto a Maria vai ficar com o Lucas mesmo, pena, achava a Maria e o Beto, tão fofos juntos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bernado

avatar

Idade : 27
Cidade : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Maria Madalena || Capítulo 58   02.02.14 17:38

Eu sempre soube que o Lucas e a Maria Madalena ia acabar juntos, é sempre assim em novela, os protagonistas se estranho a historia inteira, mas no final sempre acabam juntos, nem sei porque rolou essa torcida para o Beto e a Maria Madalena. 
achei foi bem feito que ele morreu. amigo fura olho!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
bianca mch

avatar

Idade : 22
Cidade : Brasília

MensagemAssunto: Re: Maria Madalena || Capítulo 58   02.02.14 19:25

Nada haver isso Bernardo, não é necessariamente obrigatório que os protagonistas terminem junto, tudo depende do rumo que a historia leva e da química dos personagens, e convenhamos o Beto e a Maria tinham de sobra.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Maria Madalena || Capítulo 58   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Maria Madalena || Capítulo 58
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Webs Encerradas :: Finalizadas :: Maria Madalena-
Ir para: