InícioWeb SériesWeb NovelasGruposBuscarMembrosFAQGaleriaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Maria Madalena || Capítulo 59

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vinícios
Administrador
Administrador
avatar

Idade : 28
Cidade : Americana

MensagemAssunto: Maria Madalena || Capítulo 59   02.02.14 20:31




Maria Madalena - Capítulo 059


Delegacia de Policia. Recepção. De tarde.
Lucas beija Maria Madalena, que corresponde ao beijo.
BARBARA: Lucas!
Mas Lucas nem da atenção para mão.
BARBARA: Solta meu filho sua vagabunda – disse puxando Maria Madalena pelo braço.
LUCAS: Mãe o que você está fazendo?
BARBARA: O que você está fazendo? Como pode ta beijando essa mulherzinha? A amante do seu pai e do seu amigo também, já esqueceu.
LUCAS: Mãe eu não vou permitir que você fala assim da Madá.
MADALENA: Deixa Lucas que eu sei me defender! – Disse dando um tapa na cara de Barbara. 
BARBARA: Ai!
EDGAR: Cheguei bem na hora – disse entrando na delegacia também.
BARBARA: Sua vaca! – disse devolvendo a tapa de Maira Madalena.
MADALENA: Eu vou te mostrar que em a vaca aqui! – Disse partindo pra cima de Barbara.
Barbara segura Maria madalena pelos cabelos.
Maria madalena faz o mesmo, mas puxa o cabelo de Barbara com uma mão e com a outra não arranha o pescoço dela.
BARBARA: Ai!! Sua piranha.
MADALENA: Me solta sua doida! Disse tentando empurra Barbara com a mão solta.
LUCAS: Chega parem com isso - disse tentando entra no meio das duas e afasta-las.
Dr. Ferrazo segura Maria Madalena pela sintura e tenta afasta-la de Barbara.
Maria Madalena acerta um tapa na cabeça de Lucas.
LUCAS: Será que você pode ajudar – Disse para Edgar.
Edgar faz como Dr. Ferrazo e tenta afastar Barbara da confusão.
POLICIAL: Ei que confusão é essa - entrando na recepção.
Ester entra na delegacia.
ESTER: Oi Lucas!
MADALENA: Era só o que faltava.
Ester ignora Maria madalena e abraça Lucas.
...


Apartamento da Família Corona. Sala. De Tarde.
MARIO: Como assim grávida? – disse se sentando.
DOROTEIA: Eu não tenho certeza ainda, mais minha menstruação está atrasada a 6 dias, e eu estou começando a ficar meio enjoada.
MARIO: Mais como isso foi acontecer?
DOROTEIA: Acontecendo, afinal tivemos uma noite incrível.
MARIO: Mas eu nem me lembro, eu nos não nos precavemos.
DOROTEIA: É que tudo aconteceu tão rápido e espontâneos que na hora nem pensamos nisso.
MARIO: Isso não pode está acontecendo. Isso não podia ter acontecido. Você é a irmã da minha esposa.
DOROTEIA: Mas e minha irmão está morta, e nos não, a vida continua.
MARIO: Não isso não pode está certo – disse se levantando – Amanhã mesmo vamos no hospital fazer um exame para ter certeza se você esta grávida.
DOROTEIA: Tudo bem, mas e se eu estiver?
MARIO: Falamos sobre isso depois que tivermos o resultado.
ESTER: Ok.
MARIO: Desculpa, mas preciso ficar sozinho – disse caminhando em direção ao quarto.
Quando viu que Mario não podia mais vê-la. Doroteia começa a ri e a balançar as penas.
DOROTEIA: Agora você não me escapa. Logo eu sereia a nova Senhora Corona.
...


Delegacia de Policia. Recepção. De tarde.
Maria madalena se solta de Dr. Ferrazo e puxa Ester pelo braço.
Ester olha pra Maria Madalena.
Maria Madalena da um tapa em Ester.
ESTER: Eii!!
MADALENA: Ops! Foi mau. Eu queria acerta é o Lucas.
Ela abre a mão e da um tapa na cara de Lucas.
MADALENA: Isso é tudo culpa sua.
POLICIAL: Alguém vai me explicar o que está acontecendo aqui.
MADALENA: Nada senhor policial, eu já estou indo embora – disse e depois caminhou em direção a saída da delegacia.
BARBARA: É melhor mesmo;
LUCAS: Nada senhor! Na verdade estamos todos de saída. Me desculpe pela Bagunça.
POLICIAL: É melhor mesmo antes que eu coloque todo mundo atrás das grades para ver se acalmam os ânimos.
...


Apartamento Eduarda/Guilherme. Sala. De tarde.
Eduarda está sentada no sofá da sala, vendo TV. Ela escuta um barulho vindo de fora do seu apartamento.
EDUARDA: Mas que zuera é essa?
Ela se levanta e vai espiar pelo olho mágico da porta.
Pelo olho mágico da porta ela ver Gabriel beijando uma loira na porta de seu apartamento.
GABRIEL: obrigado por ter vindo.
Gabriel da um selinho na loira.
A loira caminha em direção ao elevador.
Eduarda vê Gabriel dando tchauzinho para a loira e depois vê ele entrando no apartamento dele e fechando a porta.  
EDUARDA: Eu não sabia que ele gostava de loiras – disse voltando para o sofá.
...


Em frente a Delegacia de Policia. De tarde.
Lucas sai primeiro da delegacia, e corre atrás de Maria Madalena.
LUCAS: Madá!
Maria madalena e Anita que caminha ao seu lado, para e se viram para olhar para Lucas.
MADALENA: Eu sinto muito pelo que aconteceu, é que eu já não aguentava mais os olhares e as insinuações da sua mãe. Chega uma hora que até a pessoa mais paciente perde a paciência.
LUCAS: Eu sei! Eu é que tenho que me desculpar, pela minha mãe e por tudo que minha família e eu já te fizemos passar.
Nos degraus da delegacia.
ESTER: Lucas! – ela chama dos degraus em frete a delegacia.
Barbara, Edgar e Dr. Ferrazo também estão saindo da Delegacia.
Na rua.
MADALENA: Vai lá, volta pra sua namoradinha!
LUCAS: Eu! A Ester! Nos não temos mais nada.
MADALENA: Não é o que parece.
LUCAS: Eu te amo sua cabeça dura! Será que é tão difícil de você aceitar isso.
Pegando Maria Madalena de surpresa ela a beija novamente.
Nos degraus da delegacia.
EDGAR: É... Pelo visto você perdeu – disse pondo a mão no ombro de Ester.
ESTER: Ver se me esquece – disse terminando de desses os degraus em frete a delegacia.
Na rua.
LUCAS: Vamos! – disse depois do beijo. – Eu vou levar vocês em casa. Mas primeiro temos que passa no cemitério para pegar meu carro – ele põe a mão na cabeça e ri.
...


Rua, próximo a Apartamento da Família corona. De tarde.
Doroteia está andando pela rua, enquanto fala com mãe pelo telefone.
DOROTEIA: Eu teve que dizer mãe, ele estava preste a pedir que eu fosse embora da casa dele.
LAURA: Entendo, mas você tem certeza que ta grávida?
DOROTEIA: Não sei, acabei de passar na farmácia e comprei alguns exames de gravidez. Preciso ter certeza antes de fazer o exame amanhã.
LAURA: E esse filho é dele?
DOROTEIA: Mãe! Claro que é, o Mario é Medico, se eu engravidasse de outro ele acabaria descobrindo.
LAURA: Eu acho que não. Ele não teria coragem de pedir um exame de DNA para confirmar se é o pai. Ele é muito decente para poder desconfiar de você.
DOROTEIA: Mas preferi não ariscar.
LAURA: Tudo bem, vamos torcer para que você esteja grávida mesmo. E o Mario, onde está.
DOROTEIA: Deve estar dormindo, ele passou a noite em uma cirurgia no hospital.
...


Casa da família Barreto. De tarde.
Barbara entra em sua casa furiosa.
BARBARA: Aquela mulherzinha me paga! Ahh! Que raiva!
Ela pega um vazo de flores da mezinha e joga na parede.
BARBARA: Se ela está achando que vai ficar por isso mesmo ela que me aguarde.
Barbara se agacha em costada na parede.
Neidiane entra na sala.
NEIDIANE: a senhora esta bem? Precisa de alguma coisa?
BARBARA: Que você mate uma pessoa pra mim, você pode fazer isso? – disse se levantando - Não! Então não em enche o saco.
Barbara caminha em direção a escada.
BARBARA: O que você ainda está fazendo ai? Se manda, some da minha frete.
Neidiane sai da sala.
Barbara se olha em um espelho próximo da escada e vê arranhões em seu pescoço.
BARBARA: Aquela cachorra, filha de uma... – disse passando a mão pelo pescoço - Ela me paga.
Barbara sobe correndo as escadas.
...


Apartamento Eduarda/Guilherme. Sala. De tarde.
Eduarda esta deitada no sofá da sala lendo uma revista quando escuta uma porta abrindo. Ela se levanta rapidamente e vai espiar pelo olho mágico da porta.
Pelo olho mágico ela ver Gabriel beijando uma morena, de depois os dois entrando no apartamento dele.
EDUARDA: Uma morena agora, e duas no mesmo dia!
GUILHERME: O que? – Pergunta ao entra na sala.
EDUARDA: Não é nada – disse voltando para o sofá
GUILHERME: ok.
Eduarda pega a revista e volta a ler, mas não consegue se concentrar na matéria da revista, seus pensamentos estão em Gabriel e nas garotas que ela viu saindo e entrando no apartamento dele.
...


Casa da família Barreto. Quarto Barbara. De tarde.
Júlio (motorista) bate na porta do quarto de Barbara e entra em seguida.
JÚLIO: Eu vim ver como você está.
BARBARA: Não estou com vontade de sexo agora – disse sem se levantar da cama.
JÚLIO: Eu não vim aqui atrás de sexo, eu estou preocupado.
BARBARA: Contra outra, eu sei que você ta aqui por sexo e mordomia. Pode me fazer o favor de me deixar sozinha por um momento.
JÚLIO: Mas Barbara...
BARBARA: Mas nada, não to com saco para ficar de papinho com você – disse se sentando na cama - Sai!! – ela grita essa ultima parte.
Júlio sai do quarto e fecha a porta.
...


Apartamento da Família Corona. Sala. De Tarde.
Doroteia entra no apartamento. Logo que entra começa a sentir cólica.
DOROTEIA: Não! Não pode ser! – disse ao sentir sua menstruação descer.
Ela joga a sacola que trouxe da farmácia na sofá e corre para o banheiro.
DOROTEIA: Isso não pode esta acontecendo.
...



Continua... 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Maria Madalena || Capítulo 59
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Séries de Web | Memória :: Webs Encerradas :: Finalizadas :: Maria Madalena-
Ir para: